Africanos visitarão o DEMSUR neste mês de Outubro



Angola

O DEMSUR recebeu nesta terça-feira, 09/10/12, ofício do Diretor Nacional de Abastecimento de Água e Saneamento, Eng. Sr. Lucrécio da Costa, do município de Luanda, capital e maior cidade de Angola, na África, solicitando autorização para visitar a Autarquia neste mês de Outubro.

Os Angolanos estarão em São Paulo, de 15 a 19 de Outubro, para participação da Conferência Lusofona de Impacto Ambiental, promovida pela ABAI (Associação Brasileira de Avaliação de Impacto). A visita ao Brasil faz parte de uma Missão Oficial Angolana, composta por membros do Ministério de Energia e Águas e das Direções Provinciais de Energia e Águas.

Como forma de aproveitar a viagem e otimizar o evento os 15 profissionais da África visitarão companhias de saneamento básico do Brasil a fim de conhecer as melhores práticas adotadas, dentre elas o DEMSUR. De acordo com Sr. Lucrécio “O DEMSUR é reconhecida referência em eficiência de gestão, sustentabilidade econômico-financeira, eficácia operacional e boas práticas.”. O objetivo da visita é “conhecer a Gestão Comercial e o modelo organizacional bem como compartilhar a bem sucedida experiência adquirida da Autarquia” acrescenta.

Angola é o segundo maior produtor de petróleo e exportador de diamantes da África Subsariana. A sua economia tem crescido fortemente, porém, o seu Desenvolvimento Humano é muito baixo. Em Angola, a maioria dos sistemas de abastecimento de água e saneamento foram destruídos durante a guerra civil ou deterioraram-se ao longo de décadas, devido à ausência de manutenção e investimento. Os resultados são baixos níveis de acesso a serviços de água segura e saneamento para a maioria da população urbana e rural.

A visita em Muriaé acontecerá nos dias 24 e 25 de Outubro deste ano.

Fonte: DEMSUR

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.