Cliente é indenizado após caixas caírem na cabeça dele dentro de loja de Muriaé



Uma loja de varejo de Muriaé foi condenada a pagar R$ 8 mil a um cliente que sofreu traumatismo craniano após duas caixas caírem na cabeça dele dentro da loja. A decisão de segunda instância é da 13ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

De acordo com o processo, no dia 28 de outubro de 2010, o consumidor foi até a loja, quando foi atingido por duas caixas relativamente pesadas, que caíram do terceiro andar pelo vão aberto da loja. O homem ficou desacordado, sofreu traumatismo craniano, trauma nas costas e coluna, além de dores generalizadas. Ele precisou ser encaminhado ao Hospital São Paulo, onde passou por exames.

Após o fato, o cliente entrou na Justiça pedindo danos materiais, estéticos e morais, na 2ª Vara Cível de Muriaé. O juiz da Primeira Instância, Marcelo Picanço de Andrade Von Held, julgou parcialmente procedente os pedidos e condenou a loja a pagar R$ 8 mil por danos morais.

Indignada com a decisão, a loja recorreu ao Tribunal de Justiça, sustentando que o fato era apenas simples aborrecimento e, ainda, que o valor de indenização é exorbitante e desproporcional. O desembargador Luiz Carlos Gomes da Mata, relator do recurso, não atendeu aos pedidos da loja e manteve o valor.

Fonte: O Tempo

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.