DNIT garante solução para trecho da BR 356 entre Muriaé-Ervália até 2013



BR 356 no trecho entre Muriaé e Ervália

O Superintendente do DNIT, Eng. José Maria da Cunha, garantiu, em audiência com o Deputado Renzo Braz, que o órgão vai finalmente dar continuidade as obras que estão paralisadas há quase 10 anos.

O Deputado apresentou ao Dr. José Maria um relatório fotográfico completo do trecho, além de dados sobre acidentes e a situação do local. Após a análise, o Superintendente garantiu que as três pontes que o trecho necessita serão construídas ainda em 2013, antes das chuvas daquele ano.

Dr. José Maria afirmou ainda que já estão em andamento os processos de sondagem dos locais das obras e demonstrou muita preocupação, principalmente após visualizar as fotos da região em dias de chuva.

Fonte: Deputado Renzo Braz
Foto: Lucio Vargas

Últimas notícias em vídeo



2 comentários para “DNIT garante solução para trecho da BR 356 entre Muriaé-Ervália até 2013”

  1. antonio clemente de calais says:

    demorou ;mesmo assim merece nosso elogio,e’ para isso que votamos,etambem pagamos os impostos e ipva.

  2. Bruno says:

    Legal! Estamos em 2017 e ate hoje nada, estou passando frequentemente nesta rodovia e hoje vejo um relato que ja esta a mais de 10 anos um projeto parado em um trecho que passam muitos veiculos, ridiculo assistir uma cena dessa, infelizmente estamos no Brasil, um país onde o errado é certo e que só o que convém é o necessario!

Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.