Iniciativa da PM em Juiz de Fora vence o Prêmio de Boas Práticas do Sistema de Defesa Social



PM de Juiz de Fora

O projeto de ampliação da “Patrulha de Prevenção a Homicídios”, desenvolvido pelo 27º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, foi escolhido como uma das dez iniciativas de sucesso na área de Defesa Social desenvolvidas em todo o Estado no ano de 2012.

O projeto recebeu o Prêmio Qualidade da Atuação do Sistema de Defesa Social, entregue, na última segunda-feira (17), pelo secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo Ferraz, o comandante geral da Polícia Militar, Márcio Martins Sant´Ana e o chefe da Polícia Civil, Dr. Cylton Brandão da Matta.

O “Patrulha de Prevenção a Homicídios” foi criado em outubro do ano passado com o objetivo de organizar uma força policial para atuar diretamente na prevenção de homicídios, principalmente em contextos de brigas de gangues.

“Alguns bairros da Zona Norte de Juiz de Fora são focos de muitas brigas de turmas rivais, e a nossa patrulha intervém justamente nas questões de vitimização, crimes de ameaça e tentativas de homicídio”, explica o comandante do 27º Batalhão, Tenente-Coronel José Geraldo dos Santos.

A Patrulha de Prevenção a Homicídios realiza atuações diárias nos bairros Benfica, Ponte Preta, Santa Cruz, São Judas Tadeu, Nova Era, Cidade do Sol, Jóquei, Jardim Natal, Milho Branco, Esplanada e Monte Castelo. Com o projeto são traçadas estratégias norteadoras de prevenção e combate sistemático ao crime homicídio.

Segundo o comandante, o diferencial do projeto é que a equipe de policiais trabalha com base em um banco de dados. “Todos os dias fazemos um apanhado das ocorrências e cadastros, para trabalhar com informações já direcionadas e fazer intervenções precisas nas brigas de turmas. A equipe tem feito um excelente trabalho e percebemos que houve uma redução dos homicídios depois que a Patrulha começou a atuar”, afirma.

Premiação

O Prêmio Qualidade da Atuação do Sistema de Defesa Social é realizado anualmente pela Seds. Em 2012, 57 projetos foram inscritos e dez selecionados. Todos os vencedores receberam um kit contendo notebook, câmera fotográfica, filmadora digital, projetor multimídia e pendrives.

Além do projeto de Juiz de Fora, os seguintes programas receberam o prêmio Boas Práticas na última segunda-feira: Guardiões Mirins da Biodiversidade (PM/Varginha); Funk Polícia e a Arte da Paz (PM/Venda Nova); Núcleo de Atendimento e Cidadania para a População Lésbica, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais (PC/Belo Horizonte); Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica contra a Mulher (PM/Ubá); Por uma cultura de Paz (Seds/Mediação de Conflitos/Ipatinga); Programa de Preparação para a Reserva (Corpo de Bombeiros); Operação Hera (PM/Itajubá); Projeto Juventude e Polícia (Polícia Militar); Teatro Interativo Mundo das Drogas (PM/Contagem).

Fonte: Agência Minas

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.