SEDS-MG abre processo seletivo para Supervisor Metodológico – Programa Mediação de Conflitos



A Secretaria de Estado de Defesa Social de Minas Gerais (SEDS-MG) abriu processo seletivo para o cargo de Supervisor Metodológico para o Programa Mediação de Conflitos, da Coordenadoria de Prevenção à Criminalidade. Os interessados devem fazer inscrição pelo site www.institutoelo.org.br, do dia 18 de dezembro de 2013 até o dia 03 de janeiro de 2014. Mais informações pelo telefone (31) 3237-1000.

O objetivo do Mediação de Conflitos é empreender orientações sociojurídicas, ações de mediações, articulação e fomento à organização em comunidade e institucional. O programa agrega valores ao capital social e possibilita a administração de conflitos potenciais e concretos, evitando que eles sejam propulsores de situações violentas e delituosas.

O Mediação de Conflitos é desenvolvido em 25 regiões de Minas Gerais com altas taxas de criminalidade violenta. Ele se insere em equipamentos públicos denominados Centros de Prevenção à Criminalidade (CPCs), onde se executam também outros programas preventivos, como o Fica Vivo, a Central de Acompanhamento de Penas e Medidas Alternativas (Ceapa), o Programa de Inclusão Social do Egresso do Sistema Prisional (Presp) e o Programa de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas (PETP).

A inserção do Mediação de Conflitos nessas áreas, com foco na prevenção à violência e à criminalidade, parte de uma concepção ecológica e comunitária, na qual o crime não é o resultado de uma variedade de fatores e condições que se interconectam.

O programa, uma política pública de recorte territorial e comunitário, integra o Núcleo de Resolução Pacífica de Conflitos, que desenvolve instrumentos para a minimização dos riscos sociais, a redução das vulnerabilidades e o enfrentamento às violências. A dinâmica de seu funcionamento tem caráter participativo, dialógico e inovador, possibilitando a abertura de novos mecanismos de acesso à Justiça e de transformação sociopolítica.

A atuação do Mediação de Conflitos se dá a partir da sua inserção por meio da Política Estadual de Prevenção Social à Criminalidade, uma política de segurança pública que busca a desconstrução de fenômenos multicausais geradores de conflitos, violências e processos de criminalização a partir de soluções plurais adequadas a cada situação destacada. A política de segurança pública da Secretaria de Estado de Defesa Social é viabilizada por meio de diagnósticos quantitativos e qualitativos sobre a criminalidade violenta na perspectiva territorial. Tais dados são produzidos pelo Governo de Minas Gerais em parceria com universidades e centros de estudo e pesquisa.

Fonte: SEDS-MG

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.