Prefeitura de Muriaé se pronuncia sobre pagamento do piso salarial a professores

Foto: Guia Muriaé
O Município de Muriaé informa que o piso salarial do Magistério é cumprido no âmbito da Rede Municipal de Ensino e, em razão disso, considera que as manifestações grevistas são ilegítimas.

Os professores da rede recebem remuneração em conformidade com o piso, de modo proporcional à carga horária trabalhada.

O Município informa ainda que encaminhou ao Legislativo, em 14 de março, projeto de lei que concede mais um reajuste para todas categorias, o que garantirá também à carreira inicial o enquadramento no piso, a exemplo do que já ocorre com os demais.

O documento aguarda votação e entrará em vigor tão logo seja aprovado pela Câmara Municipal, com pagamento retroativo a 1º de janeiro de 2022.

O Município, então, reitera que considera ilegítimos os propósitos de greve, uma vez que o piso salarial do magistério é regularmente cumprido em Muriaé, ressaltando que os dois sindicatos da categoria já estiveram reunidos com a administração debatendo a pauta do reajuste.

Fonte: PMM

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo