Vídeo reascende antiga história de ‘Sapateiros’ de Muriaé

O vídeo-documentário “Sapateiro: o mago dos calçados” é uma homenagem aos importantes profissionais que desenvolveram relevante papel na sociedade de Muriaé.

Através de pesquisas no Memorial Municipal e inúmeras entrevistas, os alunos do curso de Audiovisual da Escola Carlos Scalla, da Fundação de Cultura e Arte (Fundarte), realizaram a montagem de um histórico da categoria e o transformaram em obra-cinematográfica para que faça parte do acervo memorável do município.

O tema foi escolhido em sala de aula, levando em conta que a cidade foi pólo de confecção de sapatos nas décadas de 50 a 80. A equipe formada por Ana Karla Santos, Cláudia Oliveira, Fabíola de Almeida, Fernanda Moura, Lucas Bernardo, Maria José Oliveira, Renata Machado e Tayene Soares definiram o argumento e construíram o roteiro com o auxílio do professor, Fabiano Moreira.

O ponto de partida foi o Memorial Municipal e os acervos. “Buscamos mais detalhes no Paço com o historiador, João Carlos Vargas, que nos encaminhou para uma série de consultas. Tivemos acesso aos dados sobre sapatarias, profissionais antigos da área, a representatividade que a profissão teve em tempos remotos, mas também apuramos muito sobre a parte documentada que remete a um passado longínquo, quando Muriaé era referência em fabricação de sapatos”, disse a aluna Ana Karla.

O curso tem dois módulos. O primeiro é fotografia e conhecimentos sobre enquadramento, abertura, velocidade e as várias nuances do preto e branco ou colorido. Prosseguindo com os conteúdos, iniciam as aulas de cinematografia, onde os alunos aprendem sobre os ‘Irmãos Lumiére’ – os pais do cinema no mundo. Dai seguem para as gravações sobre situações adversas e locais premiados. As aulas continuam com aprendizado de edição de imagem, transformando cenas picadas e desmembradas em contextos rítmicos de ações do pensamento. E assim se constrói um documentário.

Matrículas abertas

As escolas Municipais de Artes e Audiovisual que funcionam no Grande Hotel Muriahé, Praça João Pinheiro, estão com inscrições abertas até 10 de dezembro. As matrículas podem ser feitas na Fundarte, Avenida Constantino Pinto, 400, no horário de 7 às 16 horas (com intervalo de almoço). Os documentos necessários são xerox da identidade e da conta de energia, foto 3X4, mais a fotocópia do cartão de vacinação (Covid) para adultos. Podem participar jovens e adultos. A idade mínima é 15 anos. As vagas são limitadas.

Fonte: PMM

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo