Ex-deputado Elmo Braz morre em acidente de helicóptero na cidade de Guarani

Está sendo velado, na manhã desta segunda-feira (26), na Câmara Municipal de Descoberto, o corpo do ex-deputado estadual e conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG), Elmo Braz Soares. Ele pilotava um helicóptero no início da noite deste domingo (25), em Guarani, na companhia de sua namorada, Lídia Cerqueira Cavalcanti, de 26 anos, que sobreviveu ao acidente. O enterro do ex-deputado está marcado para as 17 horas, no Cemitério Municipal de Descoberto, sua terra natal.

Nascido em 25 de maio de 1943, na cidade da Zona da Mata, Elmo Braz Soares foi deputado estadual na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) por sete legislaturas, além de deputado estadual constituinte. Ele renunciou ao mandato em maio de 2000, quando foi eleito conselheiro do TCE-MG e, posteriormente (2007-2008), foi presidente do órgão.

Na Assembleia, foi vice-presidente da Comissão de Segurança (1979/81); 2º-secretário (1981/82); e 1º secretário da Assembleia Legislativa (1989/91 e 1993/95). Advogado e bancário foi vereador em Belo Horizonte (1967/74); ex-2º-secretário e ex-vice-presidente da Câmara Municipal de Belo Horizonte.

Elmo Braz Soares morreu aos 72 anos.

Fonte: ALMG


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo