Golpistas enganam tesoureiros e levam dinheiro de Prefeitura e Câmara

Pelo menos duas ocorrências foram registradas na semana passada com o mesmo golpe. Um homem fingindo ser funcionário da Caixa conseguiu acesso aos sistemas bancários e transferiu valores das contas públicas.

O alerta é por conta de outras cidades que também noticiaram ter recebido ligação semelhante nos últimos quinze dias, mas não cairam no papo dos estelionatários.

Na Zona da Mata, a Prefeitura de Ipanema foi alvo de um golpe desses. Bandido conseguiu transferir 30 mil reais da conta do município.

A Polícia Militar foi acionada para o registro da ocorrência. O Secretário de Finanças informou que tomou conhecimento, no dia 22/02, da transferência indevida de 30 mil reais de uma conta da Prefeitura Municipal, na Caixa Econômica Federal.

Aparentemente, um golpista conseguiu acesso à conta, se passando por funcionário do banco. O secretário informou que recebeu uma ligação de um suposto funcionário da Caixa de nome Alexandre. O homem perguntou se ele estava com dificuldades para acessar a conta da Caixa e, coincidentemente, estava sem acesso à consulta de extrato há aproximadamente uma semana. O funcionário público foi orientado a acessar o endereço “navegadorcef.com”, que é um site fraudulento.

A ocorrência foi registrada para providências policiais sobre o caso de estelionato.

Câmara Municipal é alvo de estelionatários

Outra ocorrência semelhante foi em Natividade, no Noroeste Fluminense. A Câmara de Vereadores de Natividade teve R$ 100 mil roubados de sua conta corrente da Caixa Econômica Federal.

De acordo com informações prestadas na 140ª DP, um elemento se fazendo passar por funcionário do banco, telefonou para o setor de tesouraria do legislativo, alegando haver a necessidade de recadastramento junto ao site da Caixa. Acreditando estar fazendo o procedimento correto, um servidor foi automaticamente redirecionado a um gerenciador, onde digitou os dados solicitados. A partir daí, o acesso ficou bloqueado e só no dia seguinte, quando foi até a agência, descobriu ter sido vítima de golpe e que R$ 100 mil haviam sido transferidos para outra conta, usada pelos criminosos.

Uma segunda operação de R$ 65 mil ainda foi tentada, mas o valor acabou estornado. Em uma entrevista a Rádio Natividade, o presidente da casa, vereador Lucas Merson, confirmou o crime. “Assim que tomei ciência do fato, encaminhei a controladora e o tesoureiro para a delegacia para fazer o registro de ocorrência. Agora estamos aguardando, já que a Caixa nos pediu prazo para avaliar a situação”.

Fonte: Portal Caparaó e Rádio Natividade

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo