Mulher é presa após ameaçar filho com arma de fogo em Santana do Manhuaçu



Uma mulher de 36 anos foi presa pela Policia Militar, nessa terça-feira (6), no bairro Nossa Senhora Aparecida, em Santana do Manhuaçu, após ameaçar de morte o próprio filho, um adolescente de 15 anos. Uma arma de fogo calibre 22 e 13 munições foram apreendidas.

O adolescente relatou à polícia que estava na calçada em frente sua residência, acompanhado por amigos, quando sua mãe chegou à janela, mostrou uma sacola e disse que se ele entrasse em casa e se conectasse a internet ele morreria. Após as ameaças, a mulher saiu de casa com alguns pertences e foi para a casa de um cidadão.

O padrasto do adolescente confirmou os fatos e disse que possivelmente a arma de fogo pertencia ao indivíduo que havia dado abrigo a autora.




Policiais militares foram até a casa onde a mulher poderia estar e conseguiram localizá-la. A autora disse que havia ameaçado o filho com a arma apenas para dar um susto nele e que não pretendia matá-lo. A arma e as munições foram encontradas dentro do imóvel.

A mulher alegou a arma pertencia a ela, mas não apresentou qualquer documento que comprovasse sua versão. A mulher e o cidadão que deu abrigo a ela foram presos e levados para a delegacia com os materiais apreendidos para adoção das demais medidas.

Fonte: PMMG

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.