PM apreende espingarda e prende suspeito de comércio de munições em Carangola



Entre ontem e hoje, a Polícia Militar de Carangola tirou mais uma arma de fogo de circulação e ainda prendeu um suspeito que estaria comercializando munições na região.

Nessa terça-feira (10), explorando informações obtidas em outra ocorrência policial, militares compareceram em uma fazenda na zona rural de Carangola, residência onde estaria morando um cidadão, porém a casa se encontrava abandonada, sem vestígios de morador. Foi feita uma minuciosa busca no entorno da casa alvo de denúncias, sendo localizada em meio a uma lavoura de café uma espingarda de fabricação artesanal. A arma foi apreendida. O suposto proprietário do imóvel ainda não foi localizado.

Já nesta quarta-feira (11), policiais receberam informações de que um indivíduo estaria nas imediações do bairro Armindo Cunha comercializando munições. De imediato, uma guarnição da PM deslocou até o local informado e localizou um jovem. de 21 anos, que foi abordado e submetido à busca pessoal, sendo encontrados no bolso de sua bermuda quatro cartuchos intactos calibre 38. Questionado, o rapaz negou estar comercializando munições, alegando que teria “achado” as munições pela via pública. Ele foi preso em flagrante e conduzido a Delegacia de Polícia de Carangola.




Fonte: Guia Muriaé

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.