Polícia Civil prende quadrilha que vendia Glacial com rótulo de Brahma



Sete pessoas foram presas, nessa quinta-feira (1), durante uma operação da Polícia Civil em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Os criminosos trocavam rótulos e tampa de cervejas mais baratas por marcas mais caras.

Após denúncia anônima, a polícia chegou até o bando, cujo líder arrendou uma fazenda na zona rural de Contagem, local este onde alegou que iria produzir cerveja artesanal. Na verdade ele passou a usar o local para uma atividade ilícita.

O “cabeça” da quadrilha adquiria caixas de cerveja de baixo custo, como de Glacial, cuja caixa (de 24 garrafas) é vendida por cerca de R$ 36, e trocava o rótulo e tampa por marcas de maior valor, como Brahma, que vale em média R$ 110 o engradado.




O delegado Regional de Contagem, Christiano Xavier, afirmou que o bando chegou a faturar R$ 400 mil por mês. “A tampa e o rótulo eram todos adulterados. Eles não falsificavam a cerveja. A cerveja realmente existia. O líquido da cerveja era Glacial, mas que era colocado o rótulo e a tampa da Antarctica ou Brahma”, disse.

A Polícia Civil apreendeu diversos maquinários usados para a adulteração. Os funcionários da quadrilha ganhavam em média de R$ 1 a R$ 2 por caixa adulterada.

Um dos presos confessou a participação no crime. “Tenho nada para falar com vocês não. Tenho que falar para o juiz. Eu estava correndo atrás do meu ganha-pão”, afirmou.

Fonte: Guia Muriaé, com informações de O Tempo

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.