Dia Mundial do Doador de Sangue: 8 coisas que você precisa saber antes de doar

O sangue doado por uma pessoa é capaz de beneficiar três pacientes. Embora o ato de doar – que não costuma durar mais de 45 minutos – seja constantemente incentivado pelo Estado e pelas organizações de saúde, a parcela da população que se mostra adepta ainda é muito pequena.

Dados coletados pela farmacêutica Abbott, em 2021, apontaram que somente 19% dos brasileiros são doadores regulares. O levantamento destacou também que a falta de informação é um dos principais impeditivos para que 48% dos brasileiros não tenham o costume de visitar hemocentros.

Para este 14 de junho, Dia Mundial do Doador de Sangue, reunimos oito informações importantes que você precisa saber antes de doar – e que podem te ajudar a se tornar doador/a.

Dúvidas frequentes sobre a doação de sangue

1) Quem pode doar sangue?
Podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos, com mais de 50kg. É preciso apresentar um documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis. Pessoas com febre, gripe ou resfriado, diarreia recente, grávidas e mulheres no pós-parto não podem doar temporariamente.

2) É preciso levar algum documento para a doação de sangue?
Sim. É preciso apresentar um documento original com foto, expedido por órgão oficial. Exemplos: Carteira de Identidade (RG ou RNE), passaporte, Carteira de Trabalho, Carteira de Identidade de Profissional, Carteira Nacional de Habilitação com foto e Certificado de Reservista.

3) É necessário estar em jejum para doar sangue?
Não é necessário estar em jejum, mas é importante evitar alimentos gordurosos pelo menos três horas antes da doação.

4) Doar sangue dói?
Depende de sua própria sensibilidade. A dor é mínima, equivalente àquela sentida ao se fazer exame de sangue ou injeção na veia.

5) Quanto tempo o organismo leva para repor o sangue doado?
O organismo repõe o volume de sangue doado nas primeiras 72 horas após a doação.

6) Quantas vezes por ano posso doar sangue?
Os homens devem respeitar o intervalo mínimo de 60 dias entre as doações. Já para as mulheres, o intervalo mínimo é de 90 dias.

7) Quem doa sangue uma vez precisa doar para sempre?
Não. Você pode doar quantas vezes quiser, parando quando desejar, sem isso afetar a sua saúde.

8) Se eu peguei covid-19, posso me tornar doador de sangue?
Sim. Segundo nota técnica divulgada pelo Ministério da Saúde, em janeiro de 2022, quem teve Covid-19 sintomática, mesmo que leve, deve esperar dez dias após a total recuperação de todos os sintomas para poder realizar a doação de sangue.

Fonte: PUCRS

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo