Home / História da cidade / Personalidades / Personalidades de Muriaé – Jorge Barroca

Personalidades de Muriaé – Jorge Barroca

Jorge Barroca, também carinhosamente chamado de JB, nasceu na cidade do Rio de Janeiro em 18 de julho 1943, onde permaneceu até 1954, data em que se mudou para Muriaé com seus pais Alexandre Rodrigues Barroca e Rosa Alette Barroca.

Em 1964 ingressou na Rádio Sociedade Muriaé, de propriedade do saudoso José Pires, exercendo as atividades de locutor e gerente. Logo sua voz potente e agradável cairia no gosto da população e ele passaria a ser o locutor oficial de praticamente todos os eventos da cidade, não só os transmitidos pela ZYD2 – Rádio Muriaé, como solenidades da prefeitura, desfile de 7 de setembro e exposições agropecuárias.

Em 1969, tornou-se sócio da OPPR (Organização Publicitária Paulo Roberto), de Paulo Roberto Barros Silva, o Paulinho da Rádio, que na época também era empregado na rádio na função de técnico de som. A OPPR era uma empresa de sonorização e promoção de eventos e instalava enormes caixas de som nas festas de toda a região, chegando a atender também os estados vizinhos. Era a empresa oficial das Exposições de Muriaé. Jorge Barroca era quem ficava à frente da parte artística, contratando artistas, decorando palcos, recebendo e coordenando comissões julgadoras dos festivais. A OPPR fazia também propagandas e divulgação de eventos em carros sonorizados que passavam de rua em rua informando a população.




De 1969 a 1991 realizou um total de 13 Festivais da Canção de Muriaé, que projetou a cidade nacionalmente, revelando talentos como Sandra de Sá, Joana, Fátima Guedes, Juberto Viver, Sérgio Viana, Fafy Siqueira e muitos outros que consideravam o festival como o melhor do interior do Brasil e o terceiro melhor de todos, perdendo só para o Rio de Janeiro e São Paulo. Mais de 30 músicas que passaram por nossos festivais foram gravadas por artistas famosos.

Além dos festivais foi o idealizador do Concurso Garota Piscina de Muriaé e coordenador da parte artística das Exposições Agropecuárias, comemorações natalinas, carnaval, concurso Miss Muriaé e principalmente chefiava as delegações que iam a São Paulo gravar o programa Cidade-Contra-Cidade, apresentado por Silvio Santos na TVS. Muriaé foi à cidade que mais venceu no programa e a cada vez a cidade ganhava um automóvel com o qual se fazia um bingo beneficente. O programa tinha grande audiência e isso ajudou, mais uma vez pelas mãos de JB, a projetar a cidade pelo Brasil todo.

Em 1978 realiza o sonho, junto com o amigo Paulinho, de comprar a Rádio Muriaé. A rádio passa por reformas na programação e modernização de equipamentos que a recolocam na vanguarda das rádios da região. Em 1985 uma nova conquista: a modernidade chega a Muriaé através da Muriaé FM. A sociedade entre os dois amigos dura até 1988 quando Paulo Roberto torna-se proprietário majoritário da rádio e Jorge Barroca dono da OPPR que se transforma na JB Promoções e mais tarde Pauta Planificações e Projetos Artísticos.




Durante sua vida JB recebeu vários troféus e homenagens em Muriaé e outras cidades em agradecimento à sua colaboração nos diversos eventos artísticos de que participou. Em 1979 recebeu seu maior prêmio: a cidade que seria definitivamente marcada pela densidade de seu talento e dedicação à música e à cultura em geral, reconheceu-o como filho outorgando-lhe a Cidadania Honorária Muriaeense, indicado pelo vereador William Feres.

Por muitos anos seguiria na função de maior “promoter” de Muriaé, numa época que esta palavra estrangeira ainda não era usada para designar profissionais desta área. Nos últimos tempos lutava bravamente contra as conseqüências das freqüentes hemodiálises a que era obrigado a se submeter, sem, no entanto, deixar de atuar na área que mais gostava. Em 1997 assumiu a Coordenadoria de Cultura da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Meio Ambiente.




Veio a falecer a 5 de dezembro de 1998, com apenas 55 anos. Jorge Barroca viveu intensamente a história de seu tempo, escrevendo nela páginas de orgulho e saudade.

Fonte: João Carlos Vargas e Flávia Alves Junqueira / Memorial Municipal

Confira também

Personalidades de Muriaé – Irmã Teresa Colombo

A Irmã Teresa Colombo nasceu em Cernusco Lombardone (Como), na Itália, em 21 de dezembro …

2 comentários

  1. Claudinei de souza

    Que Deus o tenha! Uma grande voz, fui em muitas festas que ele promovia!

  2. Carlos Alberto

    Quando eu era criança frequentava a casa de Jorge Barroca e de sua família. Jorge Barroca era um “ Homem da Comunicação.” Com uma capacidade de reunir os incríveis talentos de Voz, Texto e Criatividade. Estava muito além de seu tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *