Home / Notícias / Brasil / Associação Brasileira dos Caminhoneiros deixa em aberto possibilidade da greve continuar

Associação Brasileira dos Caminhoneiros deixa em aberto possibilidade da greve continuar


Em um vídeo divulgado nas redes sociais (assista abaixo), a Associação Brasileira dos Caminhoneiros (ABCAM) deixou em aberto a possibilidade da greve dos caminhoneiros continuar.

– O Governo Federal não aceitou o pedido de retirada (zerar) o Pis/Cofins e Cide até esta sexta-feira (25). Pediram o prazo de três meses, prazo este inaceitável para o caminhoneiro autônomo! Desta forma, nos retiramos da reunião. Peço aos amigos para pensarem bem, se acharem que deve continuar o movimento, nós vamos continuar. É isso que precisa ser feito, porque infelizmente metade do que o Governo Federal fala não costuma cumprir com o que promete – disse José da Fonseca Lopes, presidente da ABCAM, que representa cerca de 700 mil caminhoneiros.

No final da noite dessa quinta-feira (24), o Governo Federal anunciou o acordo com representantes dos caminhoneiros. A paralisação será suspensa por 15 dias. Em troca, a Petrobras mantém a redução de 10% no valor do diesel nas refinarias por 30 dias enquanto o governo costura formas de reduzir os preços. A Petrobras mantém o compromisso de custear esse desconto, estimado em R$ 350 milhões, nos primeiros 15 dias. Os próximos 15 dias serão patrocinados pela União.




Assista ao vídeo divulgado pela ABCAM:

Fonte: Guia Nuriaé

Confira também

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep

Trabalhadores de todas as idades que tiverem direito a cotas dos fundos dos programas de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *