Exército vai contratar 522 profissionais para obras de infraestrutura

O Exército Brasileiro vai contratar temporariamente 522 profissionais de diversas áreas para trabalhar em obras de infraestrutura.

Portaria publicada nesta segunda-feira (8) no Diário Oficial da União diz que os profissionais serão contratados por meio de processo seletivo simplificado ou mediante a análise de curriculum vitae, quando couber, para atuar em projetos no âmbito do Comando do Exército.

Segundo a portaria, serão selecionados profissionais de diversas áreas (veja lista completa no final da matéria), para trabalhar em atividades relacionadas a projetos e obras de engenharia de construção, obras públicas de infraestrutura, atividades de mapeamento cartográfico terrestre, ações de logística e implantação de projetos estratégicos.

As contratações foram autorizadas pelo ministro da Defesa, Fernando Azevedo Silva, e pelo secretário Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, do Ministério da Economia, Paulo Spencer Uebel, com a justificativa que as contratações irão atender “necessidade temporária de excepcional interesse público”.

As despesas com as contratações correrão à conta de dotações orçamentárias do Ministério da Defesa. Segundo a portaria, o edital de abertura das inscrições deverá prever o número de vagas, a área de atuação, a descrição das atribuições, a remuneração e o prazo de duração dos contratos.

Vagas

Unidade

Função

Qtd

Departamento de Engenharia e Construção (DEC) – Art. 2º, inciso VI, alínea “a”, da Lei nº 8.745, de 1993

Administrador

6

Agente Administrativo

6

Agente de Serviços Complementares

4

Agente de Serviço de Engenharia

70

Agente de Telecomunicações e Eletricidade

4

Analista Ambiental

15

Analista de Sistemas

20

Arquiteto

30

Artífice de Carpintaria e Marcenaria

10

Artífice de Eletricidade e Comunicações

4

Artífice de Estruturas de Obras e Metalurgia

5

Artífice de Mecânica

12

Auxiliar de Laboratório

6

Auxiliar de Artífice

3

Auxiliar Operacional de Serviços Diversos

10

Auxiliar Operacional de Serviços de Engenharia

8

Contador

15

Desenhista

15

Engenheiro

60

Geólogo

3

Laboratorista

14

Motorista

15

Programador

10

Projetista

4

Técnico de Nível Médio

30

Técnico de Nível Superior

7

Técnico em Edificações

20

Agrônomo

6

Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT) – Art. 2º, inciso VI, alínea “b”, da Lei nº 8.745, de 1993

Agente Administrativo

10

Técnico de Nível Médio

100

Total

522

Fonte: Agência Brasil


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre