Google estreia no Brasil ‘modo ladrão’ que trava celular Android arrancado da mão

Usuários do Brasil serão os primeiros a testar ferramenta que identifica roubo e bloqueia celular. Pacote de segurança também inclui novidades no bloqueio remoto do aparelho; confira

Guia Muriaé no WhatsApp

Em um movimento inovador, o Google escolheu o Brasil como o primeiro país a testar uma nova função de segurança para dispositivos Android, o ch amado “modo ladrão”. Anunciado durante o evento anual Google for Brasil, realizado na capital paulista, o recurso visa bloquear automaticamente a tela de celulares roubados, utilizando inteligência artificial (IA) para impedir o acesso indevido a dados sensíveis. A novidade, inicialmente apresentada na conferência Google I/O, será lançada em fase beta no próximo mês de julho.


A funcionalidade de bloqueio por detecção de roubo poderá ser habilitada em dispositivos Android com versão 10 ou superior. A tecnologia emprega IA para identificar quando um celular é furtado e, consequentemente, ativa o bloqueio automático da tela, prevenindo que criminosos acessem arquivos e aplicativos pessoais do usuário. O Google planeja expandir essa ferramenta para outros países gradualmente ao longo do ano.

Além dessa novidade, o Google anunciou um novo programa piloto do Google Play Protect no Brasil. Esta ferramenta de segurança escaneia aplicativos em busca de vulnerabilidades e bloqueia a instalação de apps baixados de fontes alternativas que requeiram acesso a dados sensíveis.

Outro recurso introduzido é o “Bloqueio remoto” aprimorado, acessível via uma página dedicada (android.com/lock). Agora, usuários podem bloquear a tela de seus dispositivos inserindo apenas o número de telefone e completando um desafio de segurança. Isso facilita o acesso à localização do aparelho e à exclusão de dados, sem a necessidade de lembrar a senha da Conta Google.

O Google também apresentou o “Bloqueio de dispositivo offline”, que bloqueia automaticamente a tela de celulares Android que fiquem desconectados da internet por longos períodos. Essa medida visa contornar a prática comum entre ladrões de desconectar os aparelhos roubados da rede para evitar rastreamento.

Para manter os usuários informados sobre a disponibilidade dos novos recursos de segurança, o Google lançou um site dedicado (goo.gle/android-seguro), onde é possível cadastrar-se para receber notificações por e-mail.

Além dos avanços em bloqueio de dispositivos, o Google expandiu o Google Play Protect para incluir uma versão aprimorada que impede a instalação de aplicativos baixados via navegadores, mensagens ou gerenciadores de arquivo. Essa atualização também cria barreiras contra apps que solicitem permissões sensíveis, frequentemente exploradas por fraudadores, como leitura de mensagens SMS e notificações.

Essas medidas demonstram o compromisso do Google em aumentar a segurança dos usuários de Android, oferecendo ferramentas avançadas para proteger dados pessoais e prevenir fraudes em dispositivos móveis.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do Tech Tudo

WhatsApp Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754
Seguir o Guia Muriaé no Google News
📲 Acompanhe o GUIA MURIAÉ - Facebook / Instagram / Telegram / Threads / TikTok / Twitter / YouTube / WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Guia Muriaé no WhatsApp
Botão Voltar ao topo