5 passeios bate e volta saindo de Muriaé

Vista na serra de Pirapanema
Você sabia que a poucos km de Muriaé existem locais com belezas naturais, gastronomia saborosa e construções interessantes e charmosas?

De carro, em regra, todos os lugares escolhidos estão a menos de três horas. Ou seja, ideal para quem quer sair de casa, sem ter que pernoitar no lugar. Descubra aqui 5 destinos interessantes para um bate e volta de Muriaé.

1- Pirapanema

O distrito de Pirapanema não é necessariamente outra cidade, visto que ele é um distrito de Muriaé. No entanto, do centro de Muriaé até o de Pirapanema são cerca de 30 minutos (aproximadamente 20 km).

Dos bate e volta citados nesse texto, provavelmente deve ser o mais realizado pelos moradores, principalmente por causa da distância. Além disso Pirapanema tem fama de ser muito mais fresco que Muriaé. O distrito está localizado numa região super bonita e montanhosa, chamada Serra do Brigadeiro, onde possui um clima mais ameno.

Dessa forma, Pirapanema é indicada principalmente  para os finais de semana de calor intenso.

Pirapanema sempre se destacou em razão do festival de Gastronomia, porém, esse pitoresco destino vem ganhando destaque também no Turismo de aventura.

Você sabia que por aqui tem uma rampa de voo livre, sendo considerada uma das melhores rampas para prática desse esporte em todo o Brasil?

2- Parque Estadual Serra do Brigadeiro (Parque que engloba as cidades mineiras de Araponga, Fervedouro, Muriaé, Miradouro, Ervália, Sericita, Pedra Bonita e Divino – Zona da Mata)

Esse parque estadual abriga uma das  mais importantes reservas naturais de Minas Gerais.

A bela Serra do Brigadeiro possui importante contribuição para a formação dos Rios no Estado, em especial o Rio Doce e o Paraíba do Sul.

O parque possui densa Floresta de mata e vegetação típica de Campos de Altitude.

Para os visitantes que gostam de plantinhas e florezinhas, a Serra do Brigadeiro é ótima para ver  espécies extremamente  raras. Inclusive, segundo o site da atração existem espécies de plantas que nem foram catalogadas ainda.

Como chegar ao Parque Estadual Serra do Brigadeiro partindo  de Muriaé:

O acesso mais comum é pela cidade de Araponga. A entrada do Parque está a cerca de 80 km de Muriaé ( a viagem dura mais ou menos 1 hora e 50 minutos).

Saindo de Muriaé, seguir pela BR 116 por 51 km.

Depois pegue a BR 482 sentido Araponga, mas antes vire à direita na Copasa.

Após a Copasa siga por 11 km de estrada de terra até a Portaria do Parque.

Veja o site do parque http://www.ief.mg.gov.br/component/content/197?task=view

Para você programar seu bate e volta de Muriaé.

A entrada do parque é gratuita.

3- Raposo RJ

Muita gente confunde Raposos de MG com o “nosso” Raposo, localizado no Estado do Rio de Janeiro.

Raposo desse texto, bom para um bate e volta de Muriaé é um distrito de Itaperuna e está localizado no Estado do Rio de Janeiro.

De Muriaé o distrito de Raposo fica cerca de 30 km e a viagem de carro dura aproximadamente 40 minutos.

Por aqui existem fontes de águas minerais com grandes propriedades medicinais.

Ou seja, Raposo  é uma das estâncias hidrominerais mais famosas da região e do Estado do Rio de Janeiro.

Raposo é um destino super indicado para um bate e volta de Muriaé. Não deixe de experimentar a famosa  “Água de Raposo”.

4- Natividade

Natividade é um destino para Bate e volta de Muriaé que você pode aliar a Raposo, no mesmo dia.

Localizada a 54 km de Muriaé, (1 hora de distância aproximadamente).

A cidade é famosa por aparições de Nossa Senhora no Sítio dos Milagres, localizado na estrada que liga Natividade à cidade de Ourânia, no km 6.

Igreja em Natividade

Inclusive todo dia 12 de Julho comemora-se essa aparição e tem festa na cidade e no Santuário.

A história da Aparição é super bonita e o resultado da aparição mais lindo ainda:

A tradição católica conta que em em 1967 e 1968 um médico viu Nossa Senhora por algumas vezes

no local. Não só viu, como ele a escutou e em uma de suas aparições Nossa Senhora deu a ele uma pedra que apareceu misteriosamente em suas mãos.

E como homenagem mandou construir uma réplica fiel da casa que Maria viveu, em Éfeso na Turquia.

Como dito anteriormente, esta casa é uma cópia do Santuário em Éfeso, e por isso ela possui 3 oratórios, além de uma foto de Nossa Senhora, que foi feita baseada nas visões.

No Sítio dos Milagres, também conhecido e chamado de Sítio das Aparições, existe também um quadro que contém as mensagens que Maria comunicou ao médico.

Por aqui na casa/santuário está exposta a pedra que apareceu na mão do Doutor Fausto.

Uma das coisas que se destaca por aqui também é a água do riacho, que os religiosos creem que essa água possui poderes curativos, pois durante as aparições Maria estava com seus pés imersos na água. Dessa forma a água da propriedade pode ser considerada benta.

A entrada do Santuário de Natividade é gratuita.

5- Pedra Menina, Espírito Santo

Muriaé é uma cidade super privilegiada por estar localizada próxima das divisas do Rio de Janeiro e também do Espírito Santo.

Dessas forma, se consegue fazer bate e volta para diversas cidades, tanto de MG, RJ, e também do ES.

Pedra Menina é um pitoresco distrito do município de Dores do Rio Preto, ES.

Pedra Menina também é uma montanha do local localizada aos pés da entrada do Parque Nacional do Caparaó, entrada pelo Espírito Santo.

A região possui lindas paisagens e cafés deliciosos e premiados. Eu duvido que você vai querer ficar só no bate e volta por aqui, a região  tem inúmeras pousadas românticas e aconchegantes.

Como Chegar em Pedra Menina partindo de Muriaé:

De Muriaé até aqui são cerca de 124 km, (totalizando 2 horas e meia aproximadamente).

Saindo de Muriaé siga a BR 116 por 52 km, aí pegue a BR 482, e percorra cerca de 29 km. Siga dentro da cidade de Dores do Rio Preto até o Distrito de Pedra Menina, que são mais 23 km.

Neste bate volta de Muriaé você pode subir o ponto mais alto da Região Sudeste do Brasil.

Não deixe de subir o Pico da Bandeira. Ele é o terceiro pico mais alto do país, com 2891,32 metros de altitude. Simplesmente Imperdível.

Conclusão: Vale a pena fazer algum bate e volta de Muriaé?

Sem dúvida vale.

Os locais são lindos, e são ótimos para um passeio. Além disso, um bate e volta é bom porque você economiza na hospedagem, se você quiser.

Mas lembre-se sempre. As estradas são movimentadas, possuem muitas curvas e por isso fique sempre atento. Não deixe de sempre respeitar a sinalização de trânsito e principalmente nunca beber e dirigir.

Ficou faltando algum bate e volta? Escreva nos comentários.

https://elizabethwerneck.com/

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo