Campanha “Quem dá esmola não dá futuro” mobilizou a população muriaeense

A campanha “Quem dá esmola não dá futuro”, foi realizada na manhã do último sábado (24), na Praça João Pinheiro e no semáforo da Rua Dr. Silveira Brum. Promovida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, juntamente com o Conselho Municipal Antidrogas (COMAD), as equipes da Casa Acolhedora, do Centro Pop, da Abordagem Social, do CAP’S AD e da Secretaria Municipal de Educação, a campanha contribuiu para conscientizar a população de que o ato de dar esmolas não proporciona nenhum tipo de benefício às pessoas que fazem das ruas seu espaço de moradia ou sobrevivência. Assim, foi promovida uma blitz educativa, panfletagem nas lojas e orientações ao público sobre os serviços especializados para a população em situação de rua, de média e alta complexidade da assistência social.

De acordo com a presidente do COMAD Muriaé, Cíntia Muglia, a esmola reforça a permanência das pessoas nas ruas, dificulta os serviços de atenção à população em situação de rua e os serviços da rede socioassistencial. “Existem os serviços de Abordagem Social, Centro POP e Casa Acolhedora no município, que são serviços da política de Assistência Social com foco na população em situação de rua e migrantes. Recentemente inaugurado no município, o CAP’S AD, um serviço da política de saúde, importante equipamento público, com equipe especializada a trabalhar com foco em usuários de saúde mental advinda do uso de álcool e drogas”, destacou.

Como ajudar? Não dê esmolas, ligue para o COMAD Muriaé: (32) 3696-3387.

Fonte: SDSM


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo