CBA apresenta projeto de mineração sustentável de bauxita em Miraí, Muriaé, Rosário da Limeira e SSVA

A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) apresentou o projeto “Produção Sustentável de Bauxita na Zona da Mata” em audiência pública realizada na noite desta quinta-feira (7). O projeto integra o processo de licenciamento ambiental de dez direitos minerários nos municípios de Miraí, Muriaé, Rosário da Limeira e São Sebastião da Vargem Alegre.

Durante a sessão, coordenada pela Superintendência de Projetos Prioritários (Suppri), órgão responsável pelo processo de licenciamento ambiental, a CBA ratificou seu compromisso com a atuação sustentável na região, com a continuidade e o avanço de suas operações e a consequente manutenção de empregos diretos e indiretos, geração de impostos e distribuição de renda.

“Esta continuidade representa também a manutenção de nosso trabalho voltado para o desenvolvimento ambiental, social e econômico do território, assegurado por nossas políticas e programas que já são desenvolvidos, de forma sólida, com as comunidades e produtores rurais, em parceria com o Instituto Votorantim e a Universidade Federal de Viçosa”, afirma Christian Fonseca de Andrade, gerente das unidades da CBA na Zona da Mata.

A consultoria Brandt Meio Ambiente foi a responsável pelos estudos ambientais apresentados na audiência, com destaque para a Avaliação Ambiental Integrada, uma metodologia de análise estratégica do território.

A CBA apresentou em detalhes o modelo de reabilitação de áreas mineradas, desenvolvido em parceria com a UFV, que estabelece uma relação sustentável entre mineração, meio ambiente e agricultura. A UFV participou com os seus estudos científicos nas áreas de mineração e discorreu sobre os benefícios do trabalho realizado, sob o olhar da comunidade acadêmica e do desenvolvimento científico nacional.

A CBA atua desde a década de 80 na Zona da Mata de forma ética e transparente, contribuindo para a autonomia dos territórios e a conservação do meio ambiente. A Companhia trabalha para ser referência em práticas ambientais, sociais e de governança e acredita na construção colaborativa de um futuro melhor e mais sustentável.

Projetos de reabilitação ambiental

Desde 2008, por meio de parceria com a Universidade Federal de Viçosa (UFV), a CBA possui um processo robusto de reabilitação ambiental, realizado a partir de conhecimentos e tecnologias desenvolvidos nas três linhas de pesquisas: Reabilitação Ambiental, Restauração Florestal e Conservação Hídrica, a fim de aprimorar sempre as atividades agrárias e da agricultura familiar típicas da região da Zona da Mata.

Fonte: CBA


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo