Home / Notícias / Cidade / Falta de combustível provoca corrida aos postos em Muriaé

Falta de combustível provoca corrida aos postos em Muriaé

O final da tarde desta quarta-feira (23) foi de uma verdadeira corrida aos postos de combustível em Muriaé.

A greve dos caminhoneiros, que teve início na segunda-feira (21), impediu que o estoque dos estabelecimentos fosse reposto. Diante deste cenário, a maioria dos postos iniciou o dia de hoje com estoque já em baixa e na metade do dia alguns já estavam com combustível em falta.




Sem uma definição de quando a situação seria normalizada, a população correu aos estabelecimentos tentando alcançar o que restava dos estoques. O que se viu no final da tarde de hoje foram muitas filas nos postos.

Até mesmo a Viação União, que anunciou no final da tarde de hoje que iria reduzir o transporte público na cidade devido à falta de diesel, teve que procurar por abastecimento externo, pois os tanques da empresa já estavam zerados. Amanhã a empresa deve prestar o serviço na cidade com pelo menos 12 carros a menos.

Petrobras vai reduzir preço do diesel nas refinarias por 15 dias

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou na noite de hoje (23) uma redução de 10% no valor do diesel nas refinarias por 15 dias. A decisão, segundo ele, busca contribuir com uma possível trégua no movimento dos caminhoneiros, que estão paradas nas estradas há três dias contra preço do combustível.

Na prática, a Petrobras avalia que a redução média será de R$ 0,23 nas refinarias, resultando numa queda média de R$ 0,25 nas bombas dos postos de combustível. A medida vale apenas para o diesel. A expectativa é de que a paralisação seja suspensa e, nos 15 dias em que vigorar a nova tarifa, governo e caminhoneiros encontrem uma solução definitiva.

Fonte: Guia Muriaé, com informações da Agência Brasil

Confira também

Terça e quarta é dia de rodízio de petiscos no Cais do Chopp

O Cais do Chopp retornou recentemente com seu delicioso rodízio de petiscos! Publicações relacionadasDivulgada a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *