Home / Notícias / Cidade / Fiscais sanitários vistoriam supermercado no Centro de Muriaé

Fiscais sanitários vistoriam supermercado no Centro de Muriaé

Vigilância Sanitária de Muriaé

A equipe da Vigilância Sanitária de Muriaé inspecionou, na tarde desta segunda-feira, um supermercado localizado no Centro da cidade. A operação aconteceu com o objetivo de apurar a denúncia feita por um popular, em relação à suposta presença de insetos em uma gôndola do estabelecimento.




Segundo o coordenador da vigilância, Vítor Dias Vasconcelos de Almeida, não foram constatadas irregularidades no local. “A dedetização do supermercado está em dia, assim como os seus alvarás de funcionamento”, informa. “Não detectamos nada de irregular, mas estaremos vistoriando o estabelecimento periodicamente”, complementa.

Inspeções de rotina

A Vigilância Sanitária realiza inspeções rotineiras em todos os supermercados de Muriaé, com o objetivo de evitar riscos e agravos à saúde da população. Uma das exigências feitas a este tipo de estabelecimento comercial é a realização periódica do serviço de dedetização, que deve ser executado por instituições reconhecidas pelos órgãos competentes.




De acordo com Vítor, caso sejam encontradas irregularidades no momento da vistoria, a empresa responsável pode ser autuada ou até mesmo interditada. “As sanções são aplicadas de acordo com o grau da infração e seguem as normas da Unidade Fiscal do Estado de Minas Gerais”, explica.

Quem verificar supostas irregularidades em estabelecimentos comerciais de Muriaé pode realizar a denúncia por telefone. Os números de contato são (32) 3696-3355 (Ouvidoria Municipal) e 3696-3306 (Vigilância Sanitária).




Fonte: Prefeitura de Muriaé

Confira também

Laboratório abre vaga de emprego em Muriaé

O Aché Laboratórios, empresa 100% nacional, com 52 anos de atuação, que está posicionado entre …

Um comentário

  1. Quer dizer que a foto postada nas redes sociais era mentirosa?
    Eu vi bem de perto as baratas. Claro, que depois de divulgado eles limparam bem os locais. Fiquem de olho. Além disso, uma ex funcionária comentou, que baratas são coisas mínimas encontradas lá. Fotos não mentem e não eram montagens!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *