Plano Preventivo é apresentado pelo COMDEC às secretarias de Muriaé

A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Muriaé (COMDEC) e secretarias do município se reuniram nesta quarta, 09, no Centro Administrativo para discutirem o Plano Preventivo para o período chuvoso-2012/2013 e o próximo Plano de Contingência 2013/2014.

O Plano Preventivo de Defesa Civil (ou Plano de Contingência) tem por objetivo principal dotar a equipe técnica municipal de instrumentos de ação, de modo a, em situações de risco, reduzir a possibilidade de perdas materiais e humanas decorrentes de deslizamentos e inundações.

Baseia-se na possibilidade de serem tomadas medidas anteriormente à deflagração de deslizamentos e inundações, a partir da previsão de condições potencialmente favoráveis à sua ocorrência, por meio do acompanhamento dos seguintes parâmetros:

  • Precipitação pluviométrica;
  • Previsão meteorológica;
  • Observações a partir de vistorias de campo.

Durante a reunião a discussão maior girou em torno de onde alojar as famílias afetadas pela enchente ou que estão em área de risco. Para que o Plano de contingência funcione, o que é necessário?

Felipe Perdigão Barbosa, Coordenador, e José Pacheco Temponi Ribeiro, Engenheiro Civil do Órgão, deixaram claro que o sucesso do plano preventivo e de emergência se deve ao envolvimento de vários setores da sociedade e do envolvimento comprometido das secretarias do município junto ao Órgão da Defesa Civil. Até 31 de outubro de 2013 o plano entra em vigor. As secretarias do município deverão desenvolver seu próprio Plano de Ações Emergenciais e apresentá-lo ao Órgão o mais breve possível.

Uma boa notícia é a de que o Bairro Aeroporto onde ocorria desabamentos, após o trabalho realizado de contenção de encostas diminuiu muito as ações do Órgão. Outro fator considerável foi à remoção dessas famílias em área de risco para o Condomínio Nova Muriaé. Vale a pena lembrar que famílias em área de risco têm prioridade no projeto habitacional.

Portanto, moradores que têm suas casas construídas em terrenos irregulares entrem em contato com o Órgão da Defesa Civil através do tel. 199 para realizarem um vistoriamento ou com a Secretaria de Ação Social no Centro Adminstrativo para fazer a inscrição no Projeto Habitacional.

Fonte: DEMSUR


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo