Público variado e satisfeito no Dia de Campo em Muriaé

O produtor Joancélio Peçanha é atendido pelo Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Balde Cheio em Muriaé e abriu as porteiras da fazendo Córrego da Onça para receber o Dia de Campo promovido pelo Sistema FAEMG em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Muriaé. “Vivemos mais um momento histórico nessa propriedade. Fico honrado e gradecido por recebê-los aqui nesse momento de aprendizado tão importante para o desenvolvimento do agronegócio na nossa região”, afirmou o anfitrião.

Cerca de 250 pessoas participaram do evento que abortou os temas: qualidade do leite, alimentação em tempos de seca e reprodução. O púbico diversificado, reuniu produtores dedicados à pecuária leiteira em Muriaé, Patrocínio do Muriaé, Vieiras, Barão de Monte Alto, Carangola, Faria Lemos Manhuaçu, Miraí, Guiricema, Tombos, Eugenópolis entre outros, além de profissionais da área e estudantes de cursos técnicos e de graduação.

O professor José Luiz Paixão levou estudantes do curso técnico em Agroecologia do Instituto Federal (IF) do Sudeste de Minas, e destacou que o encontro deu a eles a oportunidade de ver de perto uma estrutura que o campus não oferece, além de consolidar e complementar o conhecimento adquirido durante as aulas. “É importante sair da escola para ver a realidade. Para as aulas de manejo agroecológico de grandes animais essa visita foi de grande vaia prática”.

O zootecnista e técnico do IF, Carlos Pereira também acompanhou a turma e reforçou que além do aprendizado técnico, o evento possibilitou a socialização dos adolescentes. “Estamos vindo de longo período sem aulas presencias e nossa intenção é trazê-los para a realidade do campo na nossa região. Esse evento proporcionou o encontro com outras pessoas, uma oportunidade ímpar para o crescimento profissional e pessoal”.

O gerente do Sistema FAEMG em Viçosa, Marcos Reis comemorou o sucesso do evento e parabenizou o Sindicato local pela organização e às outras entidades cooperadas pela articulação de caravanas para o Dia de Campo. “Tivemos grande participação de produtores suas famílias e estudantes que tiveram acesso a informações de qualidade e atualizadas. Também pudemos ver de perto o trabalho que o técnico de campo, Mikel Ferreira está desenvolvendo junto ao produtor na fazenda assistida pelo ATeG que está gerando bons resultados. O Dia de campo é também um convite aos produtores para conhecerem as ações do Sistema FAEMG e se motivarem a participar cada vez mais dos nossos cursos e programas especiais”.

Além das palestras, houve sorteio de dezenas de brindes levados por parceiros como o Sicoob Credisudeste que apoiou a abertura de sete grupos de ATeG na região. O representante da entidade, Clodoaldo Heitor reforçou que o evento reforçou o compromisso da cooperativa com o desenvolvimento dos produtores e melhoria da sociedade.

“Conhecimento e tecnologia são fundamentais para o crescimento. Somos parceiros do Sistema FAEMG porque acreditamos no potencial transformador do programa e ficamos felizes vendo esse evento cheio de pessoas que querem evoluir”.

O representante do Sindicato Rural de Muriaé, Júlio Maria Costa Filho agradeceu a presença de todos e o apoio dos parceiros Sicoob, Sicredi, Agroboi, CCPR e Biomatrix. “É gratificante ver a grandiosidade desse evento e saber que todos aceitaram o nosso convite. Estamos trabalhando para melhorar a cada dia mais a vida dos produtores rurais. Nosso Sindicato está de portas abertas para todos”.

Com a palavra, os palestrantes:

“A experiência do Dia de Campo foi excepcional. Conseguimos destacar pontos fundamentais para que os participantes tomem conhecimento e despertem interesse em fazer melhorias na atividade no dia a dia. Além disso, a troca de experiências é muito valiosa para todos.” – Mikel Ferreira

“Tivemos um público heterogêneo, mas muito interessado no assunto, debatendo, fazendo perguntas e compartilhando experiências. Vimos que todos vieram em busca de conhecimento e isso é muito importante porque o produtor e profissionais que não buscam atualizações perdem sua eficiência no campo. Essa é uma iniciativa importante porque promove encontros e mantém os produtores motivados” – Leonardo Cotta

“Com esse evento conseguimos alcançar não só os produtores atendidos pelo ATeG como outras pessoas que atuam na atividade, ou pretendem atuar, como os estudantes. Tivemos um público participativo em Muriaé e presentamos tecnologias e formas de produção com o intuito de ajudá-los a trabalhar na pecuária leiteira da melhor forma possível”. – Paulo Henrique Lelis

Depoimentos dos participantes

“Vejo que o objetivo do SENAR é tornar as atividades no campo cada vez mais profissionais. Gostei muito de participar do Dia de Campo. Tivemos palestras produtivas e espero participar outras vezes”. – Adimilson Pereira da Silva, de Carangola

“Estou terminando o curso e essa oportunidade de conhecer a região, trocar experiências e conhecer mais o que o Sistema FAEMG tem a oferecer para os produtores é muito importante. Todos os temas foram tratados com objetividade e clareza pelos palestrantes. Conseguimos aprender bastante”. – Aline Martins, estudante de medicina veterinária de Manhuaçu

“Quero fazer um Dia de Campo em Miraí e participar dessa experiência foi maravilhoso. Os produtores estão encantados com a dinâmica do evento e a proposta de passar por diversos assuntos em um tempo curto que deixa saudade e vontade de aprender mais”. – Zilda Marta Almeida Cândido, mobilizadora

“Espero um dia ser atendido pelo ATeG Balde Cheio. Hoje vimos mais uma vez como esse programa vale a pena. Os palestrantes são muito bem capacitados, objetivos e passaram o conhecimento de forma espetacular. O SENAR está de parabéns”. – José Onofre Rodrigues, de Vieiras

“Há mais de 40 anos minha família é produtora e o conhecimento sempre é bem-vindo. O ATeG tem nos ajudado na sucessão familiar e esse Dia de Campo foi excelente para nos motivar ainda mais a seguir no programa” – Sueli Simão, de Patrocínio do Muriaé

Egressos

Ex-alunos de cursos oferecidos no município participaram do evento levando produtos para degustação e venda. Derivados do leite, doces em compota e conservas, doce de leite e cachaça fizeram sucesso entre os participantes.

Fonte: Senar MG

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo