Vaquinha para ajudar menino que ligou para a PM chorando pela ausência do pai em seu aniversário

Kaio é uma criança de apenas 9 anos que emocionou toda a internet essa semana após ligar para a polícia militar de Muriaé (MG) chorando pela ausência do pai em seu aniversário. Conhecendo melhor a sua história, nos deparamos com uma família que passa por muitas dificuldades e com uma criança que precisa de ajuda.

De imediato, o Cabo Andrade que atendeu ao chamado e um grupo de militares se organizaram e promoveram uma festinha de aniversário. A mãe, a dona Flaviane do Carmo, 38 anos, contou que o filho ligou para a polícia após ouvir um áudio do pai dizendo que não poderia dar um abraço nele em seu aniversário. “Ele saiu correndo, foi até o orelhão e ligou pedindo ajuda”, contou.

O pequeno mora com a mãe e mais duas irmãs de 13 e 16 anos de favor numa casa precária de apenas dois cômodos que fica na beira de um rio. Sempre que chove, o rio transborda, fazendo eles perderem tudo. Hoje, nem cama possuem, dormem todos juntos num colchão no chão. Quando ganham comida, usam a geladeira de uma vizinha.

O menino que tem epilepsia e sofre de transtorno de TOD tem comportamentos agressivos e precisa de tratamento. Pela falta de atendimento pelo SUS, ele anda tendo grandes crises e acaba internado. Separada há cinco anos do pai do Kaio, Flaviane não conta com nenhuma ajuda dele que faz questão de não ser presente na vida da criança. Sem poder trabalhar para cuidar do filho, a única renda é um pequeno auxílio do governo.

Essa criança precisa muito da nossa ajuda e de um tratamento. A vaquinha é para o tratamento dele, sustento da família e compra de móveis e eletrodomésticos já que perderam tudo na última enchente. Vamos transformar essa história juntos?!

O valor mínimo da doação na plataforma é de R$25,00 por conta das taxas bancárias. Se você quiser, pode combinar com os amigos e dividir o valor entre vocês, que tal?

Contribua com a vaquinha na página

https://voaa.me/menino-policiais-aniversario

Fonte: Voaa


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo