Encontro reúne centenas de profissionais da educação em Muriaé

Centenas de diretores, professores e pedagogos de Muriaé participaram do Encontro Municipal da Educação, realizado na última quinta-feira (8), no auditório do Colégio Santa Marcelina. O evento promovido pela Prefeitura em parceria com o Projeto Votorantim pela Educação e com o Sistema Etapa Público de Ensino, trouxe à cidade a professora Liliamar Hoça, uma das principais autoridades do país na área educacional.

A palestrante destacou que os primeiros anos da aprendizagem são fundamentais para o desenvolvimento dos estudantes. De acordo com ela, o trabalho de base, quando bem feito, é capaz de evitar a evasão escolar e a necessidade de se criar programas supletivos para jovens e adultos no futuro.

Liliamar também lembrou que a autocrítica deve sempre ser fazer parte da vida dos professores, como forma de crescimento profissional. “Os resultados das avaliações diagnósticas não são dos alunos. Eles são, na verdade, resultados dos educadores e dos métodos adotados em sala de aula”, disse.

O professor Leandro Lima, que leciona tanto na rede municipal quanto na estadual, aprovou o evento. “Os encontros deveriam acontecer com mais frequência, pois nos apresentam novas abordagens e isso contribui para a melhoria da qualidade de ensino”, afirma.

Com formação em Pedagogia e especialização em Educação Especial e Modalidades de Intervenção na Aprendizagem, a professora Liliamar Hoça é também mestre em Pensamento Educacional Brasileiro e Formação Docente, além de doutora em Educação. A palestrante atua como pedagoga na rede municipal de Curitiba, professora de cursos superiores e coordenadora de pós-graduações, sendo também autora de materiais didáticos nas áreas de alfabetização e educação infantil.

Evento também prestou contas sobre Plano Decenal da Educação

Antes da palestra, a equipe da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer de Muriaé apresentou a prestação de contas sobre o Plano Municipal Decenal da Educação (PDME). O documento, que apresenta os planejamentos e as metas educacionais para um período de 10 anos, é monitorado anualmente e avaliado a cada biênio, para verificar com vem sendo desenvolvido na cidade.

Fonte: PMM


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre