Home / Notícias / Educação / Inscrições para serviços voluntários de educação seguem abertas em Muriaé

Inscrições para serviços voluntários de educação seguem abertas em Muriaé

Segue aberto até 18 de março o período de inscrições para o programa “Novo Mais Educação”. O processo seletivo, desenvolvido pela Prefeitura de Muriaé a partir de orientações do Governo Federal, vai formar cadastro de reserva de interessados em atuar como mediadores e facilitadores voluntários em 2019. Quem for selecionado para trabalhar terá direito a ajuda de custo mensal, a fim de cobrir despesas com transporte e alimentação.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas exclusivamente pela internet, acessando o endereço virtual goo.gl/Fjpg3y. O edital está disponível no site da Prefeitura de Muriaé (muriae.mg.gov.br), no menu “Cidadão”, aba “Concursos e Processos Seletivos”. A classificação será divulgada no próximo dia 22. Já a convocação está agendada para 28 de março, às 14h, no Teatro Zaccaria Marques – na ocasião, os candidatos já precisarão apresentar os documentos exigidos no edital.




O “Novo Mais Educação” tem o objetivo de possibilitar que crianças e adolescentes melhorem a aprendizagem em Português e Matemática, através de aulas de reforço no contraturno da escola. A jornada extra é de 15 horas por semana, com aulas de reforço à tarde para alunos que estudam pela manhã e vice-versa.

A atividade como mediador será destinada a profissionais com pós-graduação na área de Educação, graduados e graduandos em Pedagogia, além de pessoas com formação em curso de Magistério. Os voluntários que forem selecionados deverão realizar o acompanhamento pedagógico dos estudantes, atuando de forma articulada com os professores do ensino regular. O valor da ajuda de custo mensal será de R$150 por turma atendida.

Já os facilitadores terão a responsabilidade de realizar atividades extracurriculares nos campos de artes, cultura, esporte e lazer. Para esta função, o valor do auxílio será de R$80 mensais por turma. Podem concorrer professores pós-graduados em Educação ou em área relacionada à pretendida, além de licenciados, estudantes e educadores populares atuantes no campo correspondente à atividade desejada.




Vale lembrar que, por se tratar de serviço voluntário, não será paga qualquer remuneração além da ajuda de custo aos colaboradores, assim como não há geração de vínculo de emprego. Da mesma forma, também não existem obrigações de natureza trabalhistas, previdenciárias e afins.

Fonte: PMM




Confira também

IF Sudeste MG abre prazo para pedido de isenção da taxa do vestibular 2020

A solicitação da isenção da taxa de inscrição do Processo Seletivo 2020 do Instituto Federal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *