Home / Notícias / Governo / SESI de Muriaé deve abrigar centro de integração para a cidadania e desenvolvimento social

SESI de Muriaé deve abrigar centro de integração para a cidadania e desenvolvimento social

A Prefeitura de Muriaé pretende usar as antigas dependências do SESI para abrigar um centro de integração para a cidadania e desenvolvimento social.

O SESI de Muriaé fechou as portas no dia 30 de dezembro de 2017. A unidade era mantida com recursos da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG), que naquele mesmo ano anunciou o fechamento de outras 41 unidades em todo Estado. O contrato previa que a FIEMG devolvesse as instalações ao município, que agora poderá usá-las.

Um projeto que tramita na Câmara Municipal de Muriaé inclusive já dá a denominação de UNICA – Unidade Integrada de Cidadania e Ação Gilcéa do Carmo Grammatikopoulos – a antiga sede do SESI.




O projeto, de autoria do vereador Professor Julio Simbra (DEM), detalha que o Poder Executivo pretende instalar no local um centro de integração para a cidadania e desenvolvimento social. A antiga sede do SESI também irá abrigar toda estrutura da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

– O espaço também será ocupado para o desenvolvimento de atividades físicas e de lazer, entre outras. O local também será utilizado por todos os Serviços e Programas que integram a Política de Assistência Social no município, tais como: crianças; adolescentes; idosos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos; grupos do PAIF realizados no CRAS; grupos do PAEF realizados no CREAS; adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas; pessoas em situação de rua que participam do Centro POP e Casa Acolhedora; crianças da Casa Lar. Desta forma, o local vai proporcionar uma ação social de excelente qualidade à nossa população – afirma o vereador.

Homenagem póstuma




A UNICA levará o nome de Gilcéa do Carmo Grammatikopoulos. Nascida em 03 de março de 1941, filha de José Luiz do Carmo e Abgail Ávila do Carmo, casou-se em 15 de abril de 1967 com Konstantinos Ioannis Grammatikopoulos, com quem teve três filhos: Ioannis, Stylianos e Aristides, sendo o primeiro filho o atual prefeito de Muriaé.

Gilcéa foi uma senhora de origem e vida humilde. Era servidora pública do município de Muriaé e ficou viúva aos 39 anos, quando deu início a uma luta para a criação de seus três filhos que ainda eram crianças.




Aposentou-se como auxiliar de serviço escolar aos 60 anos, tendo trabalhado em diversas escolas em Muriaé. Gilcéa faleceu no dia 29 de outubro de 2001.

– Ela deixou saudades e um belo exemplo de vida humilde, de trabalho em favor do próximo e de afeto com aqueles que com ela conviveram. Um exemplo a ser seguido por todos nós que temos hoje a oportunidade de conhecer um pouco de sua vida de amor e simplicidade – justifica o vereador Professor Julio Simbra.

Fonte: Guia Muriaé


Confira também

Câmara de Muriaé apresenta balanço das atividades no 1º semestre

O primeiro semestre de 2020 foi um dos períodos mais difíceis vividos por Muriaé em …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Experimentoe o Novo Livre