Home / Notícias / Governo / Vereadores pedem providências sobre entulhos em rua do bairro São Francisco

Vereadores pedem providências sobre entulhos em rua do bairro São Francisco

Uma Comissão Provisória da Câmara Municipal de Muriaé realizou uma fislização, nessa quinta-feira (30), para verificar o descarte irregular de entulhos em uma rua do bairro São Francisco.

Liderada pela vereadora Miriam Facchini, a comissão que tem ainda os parlamentares Evandro Cheiroso e Jair Abreu esteve em missão na Rua Izaú Dias Duarte. A comitiva, formada também pelo diretor geral do Departamento de Saneamento Urbano de Muriaé (DEMSUR), Geraldo Júnior, e pelo líder da administração na Câmara, vereador Júlio Simbra, teve o objetivo de buscar soluções para o problema, que há meses vem ocorrendo no local.

O problema vem prejudicando a passagem de veículos pela rua, que é via de ligação entre os bairros São Francisco e Santo Antônio, e gerando consequências que afetam até mesmo a saúde pública – moradores da região já relataram o aparecimento de insetos, roedores e animais peçonhentos nas redondezas.




“Sou do bairro São Francisco e há tempos a vizinhança vem me procurando, solicitando apoio para solucionar esta questão”, informa a vereadora Miriam. “Pedi ao presidente da Câmara que nomeasse a comissão e, assim, convidamos o diretor do DEMSUR para que viesse conosco para verificar o problema de perto”, finaliza.

DEMSUR promete ação imediata no local

A ação do DEMSUR para retirar os entulhos despejados na rua não deve demorar a acontecer. Segundo Geraldo Júnior, o departamento irá mobilizar a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente para também atuar no local com caminhões, permitindo que o trabalho seja concluído no menor prazo possível. A expectativa é que, até o início da próxima semana, a rua possa estar livre novamente.




No entanto, a vereadora líder da comissão lembra que o trabalho no local precisa ser permanente. “É dever da Prefeitura intensificar a fiscalização, para que o problema não volte a acontecer. E os próprios moradores também podem colaborar, observando e denunciando a movimentação de carroças e caminhões”, ressalta Miriam.

Fonte: Miriam Facchini




Confira também

Câmara de Muriaé já devolveu R$ 750 mil à Prefeitura durante o ano

O presidente da Câmara de Muriaé, David Lacerda (DEM), anunciou a restituição de mais R$ …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *