Enchente: Bombeiros salvaram 68 pessoas ilhadas em Muriaé; cidade chega a 725 desalojados

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, através do 2º Pelotão de Muriaé, divulgou as últimas informações sobre a situação da enchente que atingiu Muriaé nesta segunda-feira (4).

Confira abaixo a íntegra do comunicado divulgado pela corporação:

A situação na cidade está retornando à normalidade, sendo que o Rio Muriaé baixou cerca de 1m. No momento não há previsão de chuva no município, com probabilidade de cerca de 2.5mm até amanhã.

Ainda permanecemos com duas embarcações em ajuda humanitária para entrega de alimentos a famílias que permanecem ilhadas, mas sem risco. A tendência é que os locais que ainda permanecem alagados voltem a normalidade até nas próximas horas.

Um oficial da Corporação participou de reunião com o Vice Prefeito, regional da Defeca Civil, Polícia Militar e secretariado da prefeitura para balanço das ações desenvolvidas no decorrer do dia desde o início dos trabalhos. Permanece o monitoramento às áreas alagadas em apoio à comunidade.

Foram 58 pessoas desabrigadas e cerca de 725 desalojadas, sendo que estas tendem a dobrar, pois a Secretaria de Assistência Social ainda não fechou a contagem.

Das 3h36min de hoje até o agora, foram atendidas 11 chamadas, com salvamento de 68 pessoas ilhadas pela enchente e duas vítimas soterradas, sendo uma em óbito.

Fonte: CBMMG


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo