Golpe que promete resolver pontuação de CNH suspensa já fez vítimas em Muriaé

O Detran-MG faz um alerta para quem está com a carteira nacional de habilitação (CNH) cassada. Uma quadrilha que seria de São Paulo tem agido em Minas Gerais aplicando golpes em que promete solucionar o problema.

Cerca de 100 motoristas já foram lesados em cidades como Manhuaçu, Ipatinga, Betim, Contagem, Janaúba, Itaúna, Salinas, Ervália, Pitangui e Muriaé. Uma vítima chegou a depositar R$ 2 mil para os criminosos supostamente reativarem a CNH dela.

Segundo o delegado Weser Francisco Ferreira Neto, Coordenador de Infrações e Controle de Condutor do DETRAN-MG, constatou-se que um escritório de advocacia entrava em contato com os motoristas, mas o estabelecimento, que visava fechar contratos para apresentar a defesa dos condutores, não existe fisicamente. “Defesas essas todas iguais, com legislação já revogada, inclusive intermediando com advogados aqui em Minas através de contatos virtuais”, afirmou.

O delegado explica como é o trâmite legal para o motorista que teve a CNH cassada. “Deve submeter-se ao devido processo, seja de pontuação, infração ou acidente de trânsito e, após a conclusão desse processo, a pessoa vai ser notificada para apresentar a carteira. Durante dois anos deve ficar suspensa, dependendo do tipo da infração, e posteriormente se submeter a todos os exames novamente”, explica.

O Delegado Regional de Manhuaçu, Carlos Roberto, explica que o golpe também ocorreu em Manhuaçu. “Além da história acima relatada, chegou ao nosso conhecimento, na última semana, um caso onde o condutor estava com mais de 20 pontos na CNH, mas o processo administrativo ainda em andamento e a habilitação ainda não estava suspensa. O golpista procurou a condutor que respondia o procedimento administrativo e pediu mil reais dizendo q poderia ‘segurar o processo dele’”.

Carlos Roberto explica que os processos realmente tem suas demoras em razão das centenas de casos que são analisados todos os anos. O golpista utilizou dessa demora para dizer que estava resolvendo a pendência da habilitação. “Nós alertamos que não existem essas soluções e pedimos às pessoas que não se deixem enganar por esse tipo de golpe”, afirma.

Fonte: Portal Caparaó


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo