Home / Notícias / Policiais / Projeto que integra Polícia Militar e Civil chega a Juiz de Fora, Leopoldina e Muriaé

Projeto que integra Polícia Militar e Civil chega a Juiz de Fora, Leopoldina e Muriaé

O chefe do 4º Departamento de Polícia Civil de Juiz de Fora, Rogério de Melo Franco Assis Araújo, anunciou na quarta-feira (26) que um projeto de integração entre a Polícia Militar e a Civil, que está sendo experimentado em Ubá, na Zona da Mata, será expandido para Juiz de Fora, Leopoldina e Muriaé. Na próxima semana haverá uma reunião com tenentes-coronéis e demais delegados para impulsionar a implantação desse projeto.

O sistema funciona com o auxílio do Skype, por meio do qual o policial aciona e consulta o delegado. “É possível visualizar a ocorrência e os materiais apreendidos. E, por esse sistema, o despacho do delegado é lançado no próprio Registro de Eventos de Defesa Social (Reds)”. Hoje, quando alguém é preso em uma cidade em que não há plantão da Polícia Civil na localidade, o policial tem que levar o suspeito até o município onde fica a delegacia regional de plantão.




Ele explicou ainda que, em casos mais simples, o sistema evita o deslocamento do policial militar no caso de haver um plantão regionalizado, evitando que a cidade fique desprovida de policiamento, além de agilizar o trabalho. “Evitando o deslocamento do policial de uma cidade menor, ele poderá fazer um trabalho previsto para a Polícia Militar que é o policiamento ostensivo”, afirmou.

Fonte: G1 / Foto: Silvan Alves

Confira também

Adolescente é baleado na porta de lanchonete em Muriaé

Um adolescente de 17 anos foi baleado, na noite dessa terça-feira (17), no bairro Primavera, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *