Adolescentes são apreendidos por suspeita de homicídio em Cataguases

PCMG e PMMG cumpriram mandados de busca e apreensão expedidos contra dois jovens, de 16 e 17 anos, pela prática de ato infracional, ocorrido em fevereiro.

Nesta quinta-feira (7/4), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) e a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) deflagraram uma operação que resultou no cumprimento de mandados de busca e apreensão expedidos contra dois adolescentes, de 16 e 17 anos, pela prática de ato infracional análogo ao crime de homicídio consumado, ocorrido no dia 13 de fevereiro, no município de Cataguases, na Zona da Mata mineira, pertencente ao 4º Departamento.

Na época, um jovem de 21 anos foi agredido – com pauladas e chutes – no interior do apartamento da namorada dele. Trabalhos investigativos indicaram que o ato teria sido praticado por esses dois adolescentes, mas também teria a participação de outro jovem – que na época dos fatos tinha 17 anos – e de cinco suspeitos adultos. De acordo com informações da delegada Érica Nascimento Guedes, os mandados foram obtidos após investigações da PCMG que apontaram a autoria do ato infracional, que teria sido motivado por vingança, em virtude de um furto de uma motocicleta, ocorrido no dia 12 de fevereiro. “Trabalhos investigativos indicaram que o crime teria ocorrido como forma de retaliação pelo furto do veículo”, explica.

Segundo a delegada, as vítimas do furto da motocicleta são investigadas por envolvimento no homicídio consumado. “A motocicleta era de um casal e foi furtada no dia 12 de fevereiro, no prédio deles, e recuperada no mesmo dia pelos próprios donos, próximo ao imóvel. Esse mesmo casal identificou, por meio de acesso a imagens de câmera do prédio, quem seria o suposto autor do furto e que ele estaria em um apartamento no mesmo prédio”, conta, explicando que, na manhã do dia 13 de fevereiro, em retaliação ao ocorrido, investigações apontaram que o casal teria facilitado a entrada de seis pessoas no local, entre elas, três adolescentes e três adultos, abrindo a porta do prédio para que elas fossem até o apartamento do suposto autor do crime de furto.

Na ocasião, as seis pessoas arrombaram a porta do apartamento, portando pedaços de madeira. “Mas, no local, não encontraram o homem e agrediram o cunhado dele, pois achavam que ele também teria envolvimento com o crime de furto”, relata, complementando que a vítima chegou a ser socorrida e encaminhada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu dias depois.

Os dois jovens apreendidos na ação serão encaminhados a um centro de internação provisória na capital mineira. O terceiro jovem, que completou a maioridade este ano, encontra-se preso por tráfico. A Polícia Civil apura a conduta dos outros investigados na prática criminosa.

Fonte: PCMG

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo