Casa de Caridade de Leopoldina ameaça fechar as portas

Casa de Caridade de Leopoldina

Os funcionários ainda não receberam o salário de dezembro e o 13º. A dívida com os funcionários não é a única. Fornecedores também estão sem receber.

A Casa de Caridade, fundada em 1889, é o único hospital de Leopoldina e no momento passa por dificuldades. Enquanto a receita mensal é de aproximadamente R$700 mil, as despesas giram em torno de R$900 mil. A conta não fecha.

Em média, 300 pacientes são atendidos por dia. Os 110 leitos estão ocupados. Uma placa informa que só há um médico plantonista. O hospital pede a ajuda à comunidade.

A nova provedora, Vera Pires, que assumiu em janeiro, tenta obter um empréstimo para resolver a situação: “Estamos contando com um pedido de empréstimo pela Caixa Econômica Federal. Estamos aguardando a assinatura, a anuência do Secretário Estadual de saúde”.

Assista a reportagem da TV Integração:

Fonte: TV Integração


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre