Ex-vice-prefeito de JF é preso suspeito de importunação sexual contra faxineira do prédio onde mora

Idoso de 75 anos foi detido após trabalhadora acusá-lo de ter dado um tapa nas nádegas dela, enquanto ela trabalhava em cima de uma escada limpando vidros. Segundo a Sejusp, ex-político está desde 13 de julho na Penitenciária Ariosvaldo Campos Pires. Defesa não vai se manifestar.

Guia Muriaé no WhatsApp

O ex-vice-prefeito de Juiz de Fora, Marcial Antônio Ferreira Fontes, encontra-se detido desde o dia 12 de julho sob suspeita de importunação sexual contra uma faxineira do prédio onde reside, localizado no Centro da cidade.


Segundo relatos registrados no Boletim de Ocorrência (BO) feito pela vítima, enquanto a faxineira limpava as janelas do corredor do 4º andar, avistou Marcial Fontes saindo do elevador e se aproximando em sua direção. Enquanto ela estava de costas para ele em cima de uma escada, o ex-vice-prefeito teria dado um “forte tapa” nas nádegas da mulher.

Indignada com a situação, a faxineira gritou para que ele parasse e atirou um pano de chão em sua direção. Marcial teria proferido ofensas, como “Vai se f…, vai pra casa do c…”, antes de entrar em seu apartamento.

A trabalhadora, acompanhada da síndica do prédio e de testemunhas, acionou a Polícia Militar (PM). No local, os policiais encontraram Marcial no corredor do mesmo andar. Apesar de ter tentado voltar para seu apartamento, ele acatou a ordem de parada dos policiais. Ao ser abordado, o ex-vice-prefeito alegou que apenas esbarrou acidentalmente na faxineira.

Durante a prisão, Marcial Fontes apresentou uma carteira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), porém, em consulta à 4ª Subseção da OAB, constatou-se que seu registro estava cancelado e ele não possuía as prerrogativas do cargo.

O ex-vice-prefeito foi encaminhado à Delegacia de Plantão e, segundo informações da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp), encontra-se detido na Penitenciária Ariosvaldo Campos Pires desde o dia 13 de julho, aguardando a disposição da Justiça.

A defesa do ex-prefeito de Juiz de Fora não se pronunciou sobre o caso.

Fonte: Guia MUriaé, com informações do G1

WhatsApp Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754
Seguir o Guia Muriaé no Google News
📲 Acompanhe o GUIA MURIAÉ - Facebook / Instagram / Telegram / Threads / TikTok / Twitter / YouTube / WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Guia Muriaé no WhatsApp
Botão Voltar ao topo