“Fazer muito e roubar pouco”, afirma presidente do PT de Laje de Muriaé

Uma live do presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) de Laje do Muriaé, no Noroeste Fluminense, viralizou após ele afirmar que pretendia “fazer muito e roubar pouco”.

Liedio Luiz Silva comentava o planejamento do partido para as eleições deste ano quando disse:

“E nós vamos, sim, estar engajados nessa eleição de 2020 em Laje do Muriaé, com nossos companheiros, nossos candidatos a vereador, nosso futuro prefeito Netinho, se Deus quiser, e com a população. Porque nós não vamos abrir mão dos nossos princípios. Qual é o princípio? melhoria do nosso município. E fazer muito e roubar pouco”, disse.

Confira o vídeo:

O político é suplente de vereador na Câmara de Laje do Muriaé e falava da importância história de seu partido e da representatividade alcançada em termos de tamanho.

Após a repercussão negativa, Liedio lançou uma nota tentando se explicar. Confira na íntegra:

“Eu, Liédio, Presidente Municipal do Partido dos Trabalhadores de Laje do Muriaé, cidade do interior do estado do Rio de Janeiro. Venho através dessa nota esclarecer um infeliz erro de pronúncia que cometi de maneira equivocada durante a transmissão de uma live pessoal no último domingo (06/07). Quero deixar claro que não concordo e não apoio qualquer forma de corrupção ou de desvio de dinheiro público, gostaria de deixar claro que o meu pronunciamento foi de minha total responsabilidade e que não reflete a posição do Partido dos Trabalhadores, partido este que sempre possuiu total compromisso com o combate a corrupção e com o fortalecimento dos órgãos fiscalizadores.

Peço desculpas a toda a população de Laje do Muriaé e a todos os companheiros do partido dos trabalhadores pelas minhas palavras infelizes e mal colocadas, todos aqueles que me conhecem na região de Laje de Muriaé, sabem da minha luta em prol dos trabalhadores e de todo o meu empenho e comprometimento contra todo e qualquer ato indevido em gestões públicas na cidade.

Aproveito para comunicar que estou me licenciando da Direção do Partido dos Trabalhadores, por compreender que o meu equívoco não pode ser utilizado como instrumento calunioso contra o partido e seus militantes”.

Em nota, a Comissão Executiva Estadual do PT-RJ também se posicionou sobre a fala de Liedio Luiz da Silva. Leia íntegra abaixo.

“Este membro do Partido dos Trabalhadores, tomado pelo nervosismo de estar em uma Live, algo incomum a sua rotina, cometeu um errou, se enrolando em suas palavras em uma rede social. O equívoco foi corrigido e explicado por ele segundos após sua infeliz colocação.

Ressaltamos que o Partido dos Trabalhadores é composto por instâncias e apenas elas estão autorizadas a definir os rumos e defesas partidárias, desta forma, Liedio Luiz da Silva não fala em nome deste partido e seu discurso na referida Live, não reflete o que defendemos e acreditamos.

O PT é o partido que sempre se empenhou na construção e no fortalecimento do combate a corrupção no Brasil. Durante os governos de Lula e Dilma consolidamos um grande esforço para o fortalecimento institucional de diversos órgãos públicos de controle e combate a corrupção, como a criação da Controladoria-Geral da União. O reaparelhamento da Policia Federa, a criação de leis de transparência e de acesso à informação, foram também obras do PT. Em nossos governos o ministério público conquistou autonomia, com o Procurador-Geral da República passando a ser escolhido pela própria categoria. Medidas que, entre muitas outras, contribuíram para que hoje o Estado brasileiro tenha meios para fiscalizar e promover o combate a corrupção com inteligência, tecnologia e independência.

Nosso partido vem sofrendo constantes investidas que nunca foram capazes de apresentar uma única prova de atos ilícitos. Sofremos com a constante perseguição e descontração da verdade. Hoje vemos estampados nos jornais a verdadeira face da Lava-Jato que manipulou julgamentos e condenou sem provas um homem honesto, com o único intuito de tirá-lo da disputa e abrir caminho para o projeto de extrema direita que mergulha nosso país no medo e no descaso.

Mas não desistiremos de lutar pelo povo brasileiro e reforçamos aqui o nosso compromisso com o combate a qualquer ato que lese a administração pública e nosso país”.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do G1


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre