Festival de Marchinhas de Cataguases reúne doze canções e é marcado pela originalidade

Carnaval em Cataguases

Foi realizado na noite deste domingo, 3, na Praça Rui Barbosa, a etapa final do 3º Festival de Marchinhas de Carnaval de Cataguases que reuniu 12 canções, sendo dez de compositores de Cataguases, uma de Além Paraíba e outra de Dona Euzébia. O concurso, que aconteceu pelo terceiro ano consecutivo é uma realização da BP Produções com patrocínio da Prefeitura de Cataguases através da Lei Municipal Ascânio Lopes. O Secretário Municipal de Cultura e Turismo, Zeca Junqueira, esteve presente ao evento e fez a entrega de troféu aos vencedores.

Após dois dias de disputa, os três vencedores foram conhecidos no final da noite deste domingo. A marchinha campeã deste ano foi “Galo do Teteu”, de autoria de Weslla Borges Gomes de Oliveira, que foi interpretada por Guilherme Marquione Teixeira (foto ao lado); Em segundo lugar foi escolhida “Bota Silicone”, foi composta por Maria Rita Gonçalves que também a interpretou, e a terceira colocada, “É o salário”, de autoria de Ivaldo Francisco que foi interpretada por Agda Braga.

A marchinha campeã recebeu um prêmio de R$1.500,00 que foi entregue pelo prefeito Cesinha Samor ao seu intérprete, Guilherme Marquione. Já o Secretário de Cultura, Zeca Junqueira, fez a entrega do prêmio à intérprete da marchinha vice-campeã, Maria Rita Gonçalves, que recebeu R$700,00 em dinheiro e um troféu. Já o produtor cultural Fausto Menta, entregou o prêmio de R$300,00 e o troféu à intérprete Ágda Braga, da marchinha que ficou em terceiro lugar.

Zeca Junqueira avaliou o 3º Festival de Marchinhas de Cataguases como “muito positivo”. Segundo ele, o evento tem a capacidade de “resgatar o clima do carnaval na cidade e apesar do pouco público deste ano por causa da chuva, mas os participantes passaram a alegria típica do carnaval”. Ele informou que este evento foi o primeiro a ser beneficiado pela Lei Ascânio Lopes edição 2013 e acrescentou que a partir de agora o Festival pretende divulgar este evento ao longo do ano.

Fonte: Marcelo Lopes

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Experimentoe o Novo Livre