Folião “canta” mulher e morre após ser esfaqueado



Um jovem de 22 anos morreu após ser esfaqueado, na madrugada desta terça-feira (13), em Belo Horizonte.

Wallas dos Santos Gomes voltava de uma festa de Carnaval na Avenida Afonso Pena. Ele estava com um colega e abordou uma mulher próximo a um banheiro público, entre as Ruas Tupinambás e da Bahia. Ele disse: “Boa noite morena”.

Um homem então chegou próximo e avisou para ele não mexer com a mulher, porque ela seria “companheira de um bandido”. Walas disse que também era bandido e acabou se desculpando e saindo de perto da mulher.




Pouco depois, o suposto companheiro da mulher saiu de dentro do banheiro e eles começaram a conversar. O indivíduo sacou uma faca e atingiu Walas, que caiu no chão. O colega dele ficou desesperado e saiu pedindo ajuda.

Uma equipe do SAMU foi acionada, mas Walas foi encontrado já sem os sinais vitais. A perícia constatou uma perfuração no tórax.

A Polícia Militar realizou rastreamento, mas o autor não foi localizado.

Fonte: Guia Muriaé, com informações de O Tempo

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.