Homem se entrega à polícia após matar a esposa a marretada no interior de Minas

Nesta quinta-feira (15/4), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu o mandado de prisão de um homem, de 53 anos, suspeito de matar sua esposa, de 47, utilizando uma marreta. O crime aconteceu em Itueta, na região do Rio Doce, na madrugada do último sábado (10/4).

No dia do crime, a filha do casal, de 22 anos, teria ido à casa dos pais depois de ter recebido uma mensagem de seu genitor, por volta das 2h de sábado, na qual ele narrava que a mulher tinha sofrido um infarto. Ao chegar à residência, a jovem encontrou o corpo de sua mãe no quarto, em cima da cama. Ela apresentava ferimento na cabeça e já estava sem vida. No chão, perto da cama, havia manchas de sangue e uma marreta.

De acordo com o delegado Giovane Dantas, assim que acionada, a PCMG iniciou as diligências preliminares, enviando a perícia ao local.

“Mesmo com a fuga do suspeito, no mesmo dia já representamos ao Poder Judiciário pela prisão dele, que foi deferida. Desde então, por meio de técnicas investigativas e apoio do nosso setor de inteligência, foram levantados todos os possíveis endereços onde ele poderia estar”, disse.

O homem, que estava foragido da Justiça, se entregou à Polícia Civil na Delegacia em Resplendor, onde prestou depoimento.

“Não foi, em si, uma entrega voluntária do suspeito, pois nós já estávamos realizando o cerco no local onde ele se escondia. A ele não restou alternativa senão se entregar”, finalizou, Dantas.

O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional e está à disposição da Justiça. As investigações prosseguem na Delegacia de Polícia Civil em Resplendor.

Fonte: PCMG


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo