Justiça suspende exigência de curso superior em concurso de soldado da PM

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) derrubou em caráter liminar a exigência de curso superior para o Curso de Formação de Soldados da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) para o ano de 2019.

A prova do concurso público da PMMG, que acontece no próximo domingo, dia 2 de setembro, tinha como exigência o curso superior com formação em qualquer área, porém uma ação civil pública movida pela Defensoria Pública de Ipatinga mudou temporariamente a situação.

Segundo a Defensoria Pública de Ipatinga, a Lei Complementar 115/2010 do Governo de Minas adiou o requisito até 2020. Assim foi entendimento do juiz Mauro Pena Rocha, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Belo Horizonte, que deu razão a ação. A PMMG ainda não se pronunciou sobre a decisão, que é provisória.

O concurso da PMMG oferta 1.560 vagas e a prova será aplicada nas cidades de Belo Horizonte/RMBH, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Uberlândia, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre, Poços de Caldas e Sete Lagoas.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do Estado de Minas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre