Mãe é executada após filho e nora serem baleados em Fervedouro



Uma mulher de 64 anos foi morta a tiros, na tarde desta sexta-feira (11), no Córrego Capanema, zona rural de Fervedouro.

Por volta das 15h, um casal seguia em uma motocicleta por uma estrada vicinal, quando foi surpreendido por indivíduos em uma caminhonete de cor prata, que abriram fogo em direção a eles.

O condutor da motocicleta empreendeu fuga em alta velocidade e conseguiu chegar próximo a sua residência, onde caiu ao solo, pois acabou baleado, assim como sua sua esposa.




Os dois foram socorridos e levados para o Hospital Santa Bárbara em Fervedouro. Devido a gravidade dos ferimentos, acabaram encaminhados para a Casa de Caridade de Carangola.

Após ficar sabendo do ocorrido com seu filho e nora, Zilda Rosa saiu de sua residência e foi surpreendida pelos autores, que a levaram a força até a estrada, onde a executaram.

O perito constatou dois disparos de arma de fogo calibre 12 na cabeça da vítima. O corpo foi liberado e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Muriaé.

Dois suspeitos foram identificados e seguem sendo procurados pela polícia.

Fonte: Guia Muriaé, com foto de Paulo Roberto da Rádio

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.