Mulher é presa por porte ilegal de arma e corrupção de menores após dar tiro na própria perna

Na segunda-feira (12), a Polícia Militar de Ponte Nova prendeu uma jovem de 22 anos e apreendeu um adolescente de 16 anos após um disparo acidental de arma de fogo.

Por volta das 16h30, uma mulher deu entrada no pronto-socorro do Hospital Arnaldo Gavazza alegando ter se autolesionada mediante disparo acidental proveniente de uma arma de fogo.

Ela informou à Polícia Militar que se encontrava num local conhecido como “Lajinha”, situado nas proximidades da Rua Solidária, no bairro Palmeirense, efetuando disparos de arma de fogo com o intuito de testar uma garrucha de sua propriedade, momento em que acidentalmente efetuou um disparo que veio atingir sua perna esquerda.

Diante do ocorrido, os militares diligenciaram ao local dos fatos, onde lograram êxito em localizar a retrocitada arma de fogo, que havia sido escondida pelo adolescente acima referenciado a pedido da autora.

Segundo o adolescente, que acompanhou os policiais até o local onde havia escondido a garrucha, a referida arma teria sido adquirida em conjunto com a autora pela quantia de R$ 500,00.

Ante o exposto, os envolvidos foram encaminhados juntamente com a arma apreendida à presença da autoridade de polícia judiciária. A mulher foi presa pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores.

Fonte: Guia Muriaé


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo