Home / Notícias / Região / Nova espécie de sapo é encontrada no Parque da Serra do Brigadeiro

Nova espécie de sapo é encontrada no Parque da Serra do Brigadeiro

Uma nova espécie de sapo foi encontrada no Parque Estadual da Serra do Brigadeiro (PESB). A identificação do Brachycephalus darkside foi resultado de uma pesquisa conduzida pela pesquisadora Carla Silva Guimarães, da Universidade Federal de Viçosa (UFV), em seu mestrado.

Segundo os pesquisadores da UFV, a nova espécie de sapo ganhou o nome de Brachycephalus darkside por suas características próprias, o que o diferencia de outras espécies semelhantes.

A principal diferença em relação ao Brachycephalus ephippium, que é base para a nova classificação, é sua musculatura preta. Outra novidade na identificação da nova espécie é o nome científico dado a ele, a expressão inglesa Dark Side significa Lado Negro.




Para a confirmação da nova espécie foi preciso realizar comparações com coleções científicas do país como as do Museu Nacional do Rio de Janeiro, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP).

O trabalho de pesquisa foi realizado dentro do Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal da UFV, sob orientação do professor Renato Neves Feio. O novo Brachycephalus é a sexta descoberta feita na Serra do Brigadeiro por pesquisadores orientados pelo professor Renato Feio e se soma às mais de 50 espécies que já catalogaram no parque.

De acordo com Laurielen Gurgel Pacheco, monitora ambiental do Parque Estadual Serra do Brigadeiro, o resultado de pesquisas como essa vem confirmar cientificamente o porquê do PESB ser classificado como “extrema importância biológica”, além de reforçar ainda mais a missão da unidade.




“Acreditamos também que pesquisas científicas em áreas protegidas são colaboradoras fundamentais para popularização da ciência, permitindo o conhecimento das nossas espécies regionais”, frisa Laurielen.

“Não podemos confirmar, por enquanto, que a espécie é endêmica do PESB, por ser uma espécie nova. Sabemos que o gênero é endêmico da Mata Atlântica, mas ainda não foram identificados registros em outras regiões”, afirma Laurielen.




O Parque Estadual da Serra do Brigadeiro está localizado na Zona da Mata e ocupa o extremo norte da Serra da Mantiqueira, ocupando terrenos dos municípios de Araponga, Fervedouro, Miradouro, Ervália, Sericita, Pedra Bonita, Muriaé e Divino. Com uma área de 14.984 hectares, abriga vários picos e diversos cursos d´água que integram as bacias dos rios Paraíba do Sul e Doce, além de exuberante Mata Atlântica.

Fonte: Agência Minas

Confira também

Posto de combustíveis é assaltado em Ubá

Um posto de combustíveis foi alvo de roubo, na noite de segunda-feira (14), na cidade …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *