Dupla é presa suspeita de envolvimento na morte de adolescente de 14 anos que teve ossada encontrada em cisterna

Os presos são suspeitos de envolvimento no homicídio do adolescente encontrado em uma cisterna no bairro São Geraldo

Guia Muriaé no WhatsApp

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) des encadeou, nesta quarta-feira (19/6), a operação Hafra, em Juiz de Fora, na Zona da Mata. Foram cumpridos dois mandados de prisão e cinco de busca e apreensão relacionados ao homicídio de um adolescente de 14 anos, cujo corpo foi encontrado em uma cisterna em janeiro deste ano.


Durante a operação da Delegacia Especializada de Investigação de Homicídios, dois homens, de 31 anos e de 44 anos, foram localizados no bairro São Geraldo. O suspeito de 44 anos também é investigado pelo homicídio de outro adolescente de 17 anos, ocorrido no bairro Bela Aurora em maio deste ano. Ambos os investigados estão envolvidos em outros inquéritos por crimes contra o patrimônio, receptação, lesão corporal e violência doméstica.

As investigações começaram em 12 de dezembro de 2023, a partir de um boletim de ocorrência de desaparecimento registrado pela coordenadora da casa de acolhimento onde o adolescente estava abrigado devido à dependência química.

Conforme o boletim, o adolescente foi visto pela última vez em 27 de novembro do mesmo ano. Em janeiro de 2024, uma denúncia anônima levou à descoberta de uma ossada humana dentro de uma cisterna em um terreno no bairro São Geraldo.

Após a confirmação de que a ossada era do adolescente, as investigações apontaram a participação de quatro suspeitos. Conforme a delegada Camila Miller, o crime foi motivado por um desentendimento entre os suspeitos e o adolescente durante o uso compartilhado de entorpecentes em um imóvel desocupado. “Um dos suspeitos se abrigava neste imóvel, que fica no mesmo terreno da cisterna onde a ossada foi encontrada”, explicou a delegada.

Os suspeitos presos foram encaminhados ao sistema prisional, e as diligências continuam para localizar os outros dois suspeitos foragidos.

O nome da operação, Hafra, é uma palavra árabe que significa poço, local onde o corpo da vítima foi encontrado.

Fonte: PCMG

WhatsApp Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754
Seguir o Guia Muriaé no Google News
📲 Acompanhe o GUIA MURIAÉ - Facebook / Instagram / Telegram / Threads / TikTok / Twitter / YouTube / WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Guia Muriaé no WhatsApp
Botão Voltar ao topo