Home / Notícias / Região / Polícia Civil prende radialista por estupro de mulher e adolescente

Polícia Civil prende radialista por estupro de mulher e adolescente

Após quase dois meses de investigações, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu, nessa quinta-feira (21), na cidade de Lassance, no Norte de Minas, o radialista Carlos Alberto Gonçalves Soares, de 54 anos, pelo estupro de uma mulher de 21 anos e de uma adolescente de 14.

Segundo as investigações, Carlos Alberto atraiu a vítima de 21 anos oferecendo trabalho na residência dele, onde também funciona a rádio, para atividades domésticas.

O suspeito, inicialmente fez uma proposta sexual à vítima, que negou. Ele, então, trancou a mulher no imóvel e, sob ameaça, cometeu as agressões sexuais.




Na tentativa de silenciar a vítima, Carlos disse que se a mulher denunciasse o crime, ele iria usar a influência dele na cidade. A mulher, contudo, registrou o fato à Polícia Civil, e um inquérito policial foi instaurado.

Carlos, que foi preso por força de mandado de prisão preventiva, é suspeito ainda de abusar de pelo menos uma terceira vítima, que a PCMG trabalha para identificar.

Conforme destaca o delegado Guilherme Cardoso Vasconcelos, o suspeito se aproveitava da situação econômica das vítimas na tentativa de aliciá-las.




– Ele falava que tinha um creme muito bom e que as vítimas, inclusive, poderiam ganhar dinheiro com os produtos, mas que ele é quem deveria aplicar o cosmético nelas. De início, as vítimas acreditavam na história, mas quando ele exigia que elas tirassem as roupas, elas resistiam e Carlos forçava os atos sexuais – explicou a autoridade policial.

Ainda de acordo com o delegado, a divulgação da prisão do suspeito é importante para que outras vítimas se encorajem a denunciá-lo.




Fonte: PCMG

Confira também

Adolescente morre eletrocutado ao colocar o celular para carregar

Um adolescente de 13 anos morreu após sofrer um choque elétrico ao colocar um celular …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *