Home / Notícias / Região / Professor de Jiu-Jitsu é morto a tiros em Cataguases

Professor de Jiu-Jitsu é morto a tiros em Cataguases

Um homem de 32 anos de idade foi morto a tiros na manhã deste sábado (10), na Rua Álvaro França, próximo ao campo de futebol do Bairro Sol Nascente, em Cataguases. A vítima foi identificada como sendo Bruno Claudio Marques Toneli, professor de Jiu-Jitsu. Ele foi assassinado no portão de sua casa, conforme informações da Polícia Militar que está no local após ter sido acionada através da Rede de Comércio Protegido.




De acordo com testemunhas, por volta das 9h, dois rapazes chegaram à residência da vítima em uma motocicleta prata. Um deles desceu e chamou por Bruno, que antes de chegar ao portão teria visto a arma, uma pistola .380, e voltou para casa, mas foi seguido pelo autor que começou a atirar contra ele e só parou depois que alguém de dentro da casa gritou para ele não fazer aquilo. Ele, então, fugiu na moto onde seu comparsa o aguardava. O homem não usou nenhum disfarce para cobrir seu rosto, ainda segundo testemunhas ouvidas pela reportagem do site Marcelo Lopes. De acordo com os técnicos do SAMU, foram encontrados dez cápsulas deflagradas.

A Perícia Técnica da Polícia Civil está no local e vai determinar as circunstâncias do crime entre outras condicionantes. A PM faz rastreamento nas imediações à procura dos suspeitos. A causa do crime está sendo investigada.

A vítima deixa viúva e dois filhos pequenos. Este foi o primeiro homicídio registrado em Cataguases este ano.

Fonte: Marcelo Lopes

Confira também

Suspeito de tráfico de drogas é preso em Ubá

Um homem de 36 anos foi preso, na madrugada desta sexta-feira (21), suspeito de tráfico …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *