Home / Notícias / Região / “Projeto Parede” chega a Santos Dumont

“Projeto Parede” chega a Santos Dumont

O Projeto Parede, iniciativa do SESC que promove interação entre público e artistas convidados, chega à região da Zona da Mata mineira. O convidado será o artista José Maria, popularmente conhecido como Zemara, que desenvolverá um trabalho na entrada da Agência SESC Serviços Santos Dumont (Rua Sérgio Neves, 87, Centro). O diferencial da iniciativa é que o processo de criação é aberto ao público que poderá acompanhar de perto a produção da obra, de 6 a 18 de novembro, por meio de agendamento para visitas orientadas, pelo telefone (31) 3251-4801. O resultado poderá ser visto até 15 de maio de 2016, gratuitamente.

O artista desenvolverá uma pintura em um painel de 6 metros quadrados. Interessado nas possibilidades estéticas e conceituais do uso da areia, terra e pó de tijolo, característicos de seus trabalhos, Zemara representará metamorfoses e simbologias em torno da questão contemporânea de escassez de recursos hídricos.




Sobre o artista

Zemara é natural de Santos Dumont. Autodidata, participou de exposições em espaços como a Câmara Municipal de Juiz de Fora e Centro Ferroviário de Cultura, em Santos Dumont.

Sobre o “Projeto Parede”




Trata-se de um espaço expositivo aberto, em que um artista plástico convidado desenvolve, ao vivo, uma obra para o público. O objetivo é promover um ambiente de interação e de diálogo entre pessoas, espaços e linguagens. Após o processo criativo, o trabalho fica exposto por um período determinado.

Pioneiramente realizado no SESC Palladium, na capital, a iniciativa passou a ser promovida, em 2015, em outras unidades do SESC em Belo Horizonte, como Desportivo e Floresta. No interior, já foram desenvolvidos trabalhos em Almenara, Bom Despacho, Montes Claros, Januária, Governador Valadares, Poços de Caldas e Lavras.




Fonte: SESC MG

Confira também

PM cumpre mandado, prende três pessoas e apreende duas armas em Ubá

Três pessoas foram presas, na noite dessa terça-feira (20), pelo crime de posse ilegal de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *