Aumentam casos de conjuntivite em Muriaé



Muriaé vem registrando casos de conjuntivite desde o mês de fevereiro. Uma média de 64 ocorrências foram registradas entre o dia 23 do último mês e a última terça (6). A Prefeitura aconselha que as pessoas com sintomas procurem as Unidades de Saúde para a realização de consulta médica e tratamento. A orientação é que os muriaeenses lavem as mãos com frequência e não cocem os olhos para evitar a contaminação.

Os sintomas mais comuns da conjuntivite são: irritação nos olhos, inchaço na pálpebra, olhos vermelhos, sensação de “areia” nos olhos, intolerância à luz, aumento de secreção ocular e lacrimejamento. “De imediato deve se usar o soro fisiológico gelado, fazer compressas sobre as pálpebras e também limpar a região com freqüência. Não compartilhem objetos de uso pessoal, como toalhas, maquiagens, óculos, travesseiros e fronhas. Evitem coçar os olhos, lavem as mãos frequentemente, evitem banhos de mar e piscina, assim como procurem não frequentar locais com aglomeração e ambientes fechados, pelo menos nesse período”, explicou o secretário de Saúde, Paulo César Oliveira.




Vale lembrar que a pessoa com conjuntivite não deve tocar em objeto algum após coçar os olhos, pois a mão contaminada infectará a superfície, podendo transmitir a doença a outras pessoas. É necessário sempre que se lave as mãos para evitar a transmissão. “Tivemos alguns casos nos bairros José Cirilo, Joanópolis, Dornelas, Inconfidência e Cerâmica. Pedimos a todos para procurarem as UBS’s ou um médico de sua confiança. Não usem medicação sem orientação médica. A saúde é prioridade para a nossa Administração, por isso estamos orientando a todos para evitar a contaminação e procurarem o tratamento”, explicou o prefeito Grego.

Fonte: PMM

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.