Muriaé investiga morte suspeita por dengue

O período chuvoso aumenta risco de proliferação do mosquito Aedes aegypti. Ele é considerado transmissor de doenças graves como dengue, febre amarela, febre zica e chikungunya.

O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) na terça-feira (10) mostra que a cidade de Muriaé investiga uma morte suspeita por dengue.

Até então, o município registra baixa incidência da doença com indíce de 0,92, que indica menos de 100 casos prováveis por 100.000 habitantes.

Na Zona da Mata, outros óbitos suspeitos de dengue estão em investigação em Além Paraíba (1), Cataguases (1), Pequeri (1), Senador Firmino (1), Ubá (3), Visconde do Rio branco (1) e Juiz de Fora (4).

Fonte: Guia Muriaé, com informações do G1


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo