Home / Notícias / Saúde e Bem-Estar / Muriaé terá “Dia D” de vacinação contra gripe neste sábado

Muriaé terá “Dia D” de vacinação contra gripe neste sábado

A Prefeitura de Muriaé informa que o “Dia D” de vacinação contra a gripe será no próximo sábado (12). As doses serão disponibilizadas em todas as unidades de saúde de Muriaé e distritos, entre 8h e 16h30min. A vacina é capaz de imunizar contra a doença durante o período de maior circulação dos vírus influenza, auxiliando na redução do número de casos na cidade.




A campanha começou dia 23 de abril e segue até 1º de junho. Os grupos prioritários incluem crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, grávidas em qualquer idade gestacional, puérperas (até 45 dias pós-parto), pessoas com 60 anos ou mais, com doenças crônicas e outras categorias de risco clínico. Integram ainda os grupos prioritários a população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, jovens que cumprem medidas socioeducativas, professores e trabalhadores da saúde. A meta é vacinar 90% desses grupos. Para receber a dose, é necessário apresentar cartão de vacina e receita médica (para pessoas com doenças crônicas).

A gripe é uma doença que pode ser grave à saúde, causada por vírus que circula durante todo o ano, mas que se intensifica nos períodos mais frios. O prefeito Grego frisa a importância de se vacinar contra a influenza. “Todos que estejam dentro do público-alvo podem procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência para receber a vacina. A imunização é importante para proteger os muriaeenses contra a gripe, pois a saúde da população é nossa prioridade”, afirma o prefeito Grego.

Público-alvo da campanha de vacinação

– Idosos;
– Crianças com mais de 6 meses e menores que 5 anos;
– Pessoas que apresentam doenças crônicas e outras categorias de risco clínico;
– Grávidas em qualquer idade gestacional;
– Puérperas (até 45 dias pós-parto);
– População privada de liberdade;
– Funcionários do sistema prisional;
– Jovens que cumprem medidas socioeducativas;
– Professores;
– Trabalhadores da saúde.

Documentos necessários: cartão de vacina e receita médica para pessoas com doenças crônicas

Atenção: para quem faz acompanhamento médico na própria UBS não é preciso receita.

Confira também

Programa de tabagismo capacita enfermeiros da rede municipal de saúde

O programa de tabagismo capacitou enfermeiros das unidades de saúde, com o objetivo de proporcionar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *